Empresa não terá mais estande próprio na feira de produtos de tecnologia

A edição de 2012 da CES, maior feira de produtos de tecnologia do mundo, será a última da Microsoft. A empresa publicou um comunicado no qual explica que deixará de participar porque tem dificuldades em conciliar seus lançamentos com as datas da CES. A feira tradicionalmente acontece em janeiro, em Las Vegas.

Bill Gates mostra o jogo Guitar Hero 3 para Xbox 360, na CES 2008. Executivo da Microsoft foi o principal palestrante da feira por vários anos
Getty Images
Bill Gates mostra o jogo Guitar Hero 3 para Xbox 360, na CES 2008. Executivo da Microsoft foi o principal palestrante da feira por vários anos
A Microsoft também não fará mais a principal palestra da CES. Por mais de dez anos, o principal executivo da empresa (Bill Gates e posteriormente Steve Ballmer) sempre foi o responsável pela principal palestra do evento.

Em declarações a sites internacionais, Frank Shaw, principal executivo da área de comunicação da Microsoft, enfatizou que é complicado adequar o planejamento de lançamentos da empresa para ter sempre uma grande novidade em janeiro.

O descompasso entre as iniciativas da empresa e a CES tem ficado claro nas palestras dos executivos da Microsoft feitas durante o evento. Na edição deste ano, Steve Ballmer fez uma apresentação morna, sem novidades de impacto.

Microsoft segue caminho da Apple

A partir de agora, a empresa deve investir mais em seus próprios eventos, como as conferências Mix e Build. Produtos da Microsoft continuarão a ser exibidos na CES, mas apenas em estandes de parceiros.

A Microsoft segue o caminho da Apple, que alguns anos atrás resolveu sair do Macworld e faz seus lançamentos em eventos próprios, marcados de acordo com a conveniência da empresa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.