Desde que donos do Megaupload foram presos, grupo passou a derrubar páginas de governos e empresas

Os hackers do grupo Anonymous continuam com sua onda de ataques em protesto contra o fechamento do site de compartilhamento Megaupload e a prisão dos responsáveis por sua operação. Desta vez, as vítimas foram sites com a extensão df.gov.br, entre eles o brasilia.df.gov.br. As páginas teriam sido atacadas pelos hackers do Anonymous, conforme o próprio grupo relata em sua conta no Twitter. Os sites já voltaram a funcionar normalmente.

Ataque do grupo Anonymous à página brasilia.df.gov.br
Reprodução
Ataque do grupo Anonymous à página brasilia.df.gov.br

Entre as páginas atacadas estão a da Agência Brasília, do Detran, da Defesa Civil, do governo de Brasília. Os hackers relatam ataques a mais de 100 páginas com extensão df.gov.br. Nos últimos dias, o grupo derrubou diversos sites em defesa do Megaupload , entre eles o do FBI, a Polícia Federal americana, o do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, além de gravadoras como Universal e Warner.

Leia :

Site de Paula Fernandes é hackeado

FBI fecha Megaupload e prende responsáveis pelo site

O principal motivo do protesto do Anonymous são as acusações de crimes de pirataria contra o Megaupload, usado para compartilhamento de cópias ilegais de filmes e músicas por meio da web. No total, 14 sites foram atacados pelo grupo de hackers durante a noite de quinta-feira.

Veja : Conheça Kim DotCom, o milionário por trás do Megaupload

Os ataques realizados pelo Anonymous são do tipo DDoS (Distributed Denial-of-Service, em inglês). Eles consistem em direcionar uma quantidade grande de máquinas para acessar o site ao mesmo tempo, sobrecarregando o servidor que, ao não conseguir processar todas as solicitações, fica fora do ar. Em alguns destes ataques, o grupo de hackers também pode interferir na página, mostrando uma mensagem - o que não foi o caso durante os ataques de ontem.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.