Empresa também reduziu espaço grátis para armazenamento na nuvem para 7 GB e passará a oferecer planos pagos

A Microsoft anunciou nesta segunda-feira (23) um aplicativo que permite acessar o SkyDrive, serviço de backup em nuvem, a partir do Windows. Com ele, os usuários do serviço poderão adicionar arquivos a partir do Windows Explorer, recurso já oferecido por outros serviços de backup como o Dropbox. Até então, para fazer upload de arquivos no serviço da Microsoft era preciso acessar a conta do Hotmail a partir de um navegador de internet.

SkyDrive para Windows permite arrastar e soltar arquivos a partir do Windows Explorer
Divulgação
SkyDrive para Windows permite arrastar e soltar arquivos a partir do Windows Explorer

O novo aplicativo do SkyDrive funciona no Windows 8, que ganhou uma versão de testes recentemente, e também no Windows 7 e Windows Vista. Usuários de versões anteriores do sistema operacional da Microsoft continuarão a acessar o serviço apenas por meio do navegador de internet. Segundo a fabricante, ao usar o aplicativo para Windows, será possível arrastar e soltar arquivos para a pasta do SkyDrive na nuvem, além de acessar os arquivos offline.

Para baixá-lo, basta acessar a página oficial do SkyDrive , onde estão disponíveis todas as versões do aplicativo, inclusive para celulares. O aplicativo está disponível em mais de 106 idiomas em todo o mundo, inclusive em português. Depois que o aplicativo é instalado no computador, o internauta verá um ícone do serviço na barra de tarefas, mas poderá também acessar a pasta de arquivos do serviço por meio do Windows Explorer. Ela será criada automaticamente no local escolhido pelo usuário na etapa de configurações do sistema.

Microsoft reduz espaço gratuito

Junto com o novo aplicativo do SkyDrive, a Microsoft anunciou que reduzirá o espaço de armazenamento gratuito do SkyDrive para 7 GB. A partir de agora, quem quiser mais espaço terá que pagar uma assinatura anual do serviço: nos Estados Unidos, a Microsoft ofecerá planos de 20 GB por US$ 10 ao ano, 50 GB por US$ 25 e 100 GB por US$ 50. No Brasil, os preços serão de R$ 19 ao ano para 20 GB, R$ 46 para 50 GB e R$ 93 para 100 GB.

Segundo a Microsoft, a mudança de posicionamento reflete o uso do SkyDrive. Estudos da empresa mostram que 99,9% dos usuários usam até 7 GB de espaço de armazenamento em nuvem. Apenas 0,06% dos usuários ocupam um espaço maior que 7 GB no SkyDrive. "Este espaço será mais do que suficiente para a maioria das pessoas", diz a Microsoft em comunicado.

Acesso remoto em arquivos do PC

O novo aplicativo do SkyDrive para Windows também oferece um recurso que permite acessar remotamente os arquivos armazenados no computador do usuário. Para isso, é necessário cadastrar a máquina e um dispositivo para fazer a autenticação do acesso: em vez de informar apenas a senha da sua conta de e-mail do Hotmail para acessar o computador, ao solicitar o acesso remoto o serviço enviará um código para o seu celular, que deverá ser digitado no site para autorizar o acesso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.