Eugene Kaspersky afirma que ataques como o Flashback serão cada vez mais constantes

O CEO e fundador da empresa de antivírus Kaspersky, Eugene Kaspersky, disse esta semana que, quando se trata de segurança em computadores, a Apple está dez anos atrás da Microsoft. A informação é do site CNet .

Leia mais:
Vírus para Android cresce quase 12.000% em um ano, segundo Kaspersky
Eugene Kaspersky diz que serviços secretos contratam hackers

Eugene Kaspersky acredita que Apple está muito atrás da Microsoft na questão de segurança digital
Getty Images
Eugene Kaspersky acredita que Apple está muito atrás da Microsoft na questão de segurança digital
Kaspersky também disse que a empresa está indo para uma fase difícil e que deveria aprender algumas coisas com a sua rival. ”Eles (Apple) vão entender logo que possuem os mesmos problemas que a Microsoft tinha há 10 ou 12 anos” completou.

As declarações do fundador da empresa de segurança digital foram feitas duas semanas após o vírus Flashback, que rouba dados de login e senha de usuários, infectar mais de 1% da base de Macs ao redor do mundo .

Aproximadamente 660 mil computadores foram atingidos pelo vírus que se passava por atualização do Flash. Empresas de segurança, como a Kaspersky, divulgaram possíveis soluções para o problema. A Apple também corrigiu a vulnerabilidade do sistema. Números mais recentes mostram que o vírus está presente menos de 185 mil máquinas.

Mesmo com os esforços da Apple para tentar combater as ameaças virtuais para seus usuários, Kaspersky afirmou que o sucesso da empresa fará com que o Mac seja cada um alvo cada vez maior. “Os criminosos já reconheceram que o Mac é uma área interessante” disse. Em tom de ironia, completou: “Bem vindo ao mundo da Microsoft, Mac. Está cheio de malware”. A Apple preferiu não comentar as observações.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.