Aparelhos atuais, que rodam o sistema BlackBerry 7, não poderão ser atualizados para o BlackBerry 10

Em conferência realizada esta semana em Orlando (EUA), a RIM mostrou os recursos do BlackBerry 10, novo sistema que equipará os futuros celulares da empresa. Novidades como o teclado virtual foram muito elogiadas por sites especializados, mas nem todos os fãs do BlackBerry terão acesso aos novos recursos.

Leia também:
BlackBerry não abandonará teclado físico, diz presidente da RIM

Em entrevista ao site The Verge , o presidente da RIM, Thorsten Heins, confirmou que os aparelhos BlackBerry atualmente no mercado não poderão ser atualizados para o BlackBerry 10.

Heins e o novo BlackBerry 10: aparelhos atuais não terão upgrade
Getty Images
Heins e o novo BlackBerry 10: aparelhos atuais não terão upgrade
Segundo Heins, o atual sistema BlackBerry 7 deve continuar no mercado em aparelhos mais baratos. Já o BlackBerry 10 seria a aposta da empresa no mercado de smartphones sofisticados, atualmente dominado pelo iPhone, da Apple, e por aparelhos com sistema Android, do Google. O tablet Playbook, segundo Heins, será atualizado para o BlackBerry 10.

Novo sistema pode definir futuro da empresa

Analistas de mercado afirmam que o BlackBerry 10 é a última esperança da RIM para se manter relevante no mercado de smartphones.

A empresa vem perdendo mercado, principalmente em países mais desenvolvidos, para o iPhone e os aparelhos com Android. O tablet Playbook, criado para competir com o iPad e aparelhos similares, foi lançado no ano passado sem recurso de e-mail, sofreu críticas e foi um fracasso de vendas .

Já o novo sistema BlackBerry 10, previsto para o início deste ano, teve seu lançamento adiado para o segundo semestre. Alguns especialistas de mercado apontam para dificuldades técnicas como causa do atraso do novo sistema .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.