Segundo estudos das consultorias Gartner e IDC, venda de PCs ficou 0,1% abaixo do total vendido no segundo trimestre de 2011

Os ultrabooks , notebooks mais finos e leves, mas com alto poder de processamento, estão demorando em atrair os consumidores e turbinar a venda de PCs, de acordo com novos estudos das consultorias IDC e Gartner. Ambos os estudos mostram que, no último ano, a venda de PCs se manteve praticamente igual, 0,1% menor que no segundo trimestre de 2011.

Ultrabooks de diversar marcas, como da LG, começaram a chegar às lojas no início de 2012
ig
Ultrabooks de diversar marcas, como da LG, começaram a chegar às lojas no início de 2012

Em entrevista ao site Cnet , o analista do IDC Jay Chou afirmou que um dos motivos do baixo desempenho do mercado de PCs, um dos piores em anos, foram as baixas vendas de ultrabooks, muito menores que a expectativa inicial da Intel. A fabricante de chips, que estimulou o desenvolvimento dos ultrabooks, estimava que os ultrabooks alcançariam rapidamente uma fatia de 40% do mercado de PCs.

"Na primeira metade de 2012 cerca de 500 mil ultrabooks foram vendidos em todo o mundo. Não está nem perto da expectativa inicial da Intel", disse Chou. Segundo a IDC, mais de 225 milhões de notebooks devem ser vendidos em 2012. Para o Gartner, o mercado de ultrabooks ainda inclui apenas fãs de tecnologia, que compram novos produtos bem antes da maior parte dos consumidores.

A chegada do Windows 8 , marcada para outubro, e o interesse maior pela compra de smartphones e tablets também influenciaram as baixas vendas de PCs no segundo trimestre, de acordo com os analistas do Gartner. "Este é um comportamento de mercados mais maduros, onde os PCs já saturaram o mercado", diz Mikako Kitagawa, analista principal do Gartner, em comunicado.

Lenovo ameaça primeiro lugar da HP

Apesar do desempenho fraco do mercado como um todo, o segundo trimestre de 2012 registrou movimentos importantes de alguns fabricantes de PCs, como a Lenovo. A empresa, que está em segundo lugar entre os maiores fabricantes, se aproxima rapidamente da HP em participação de mercado.

O Gartner, por exemplo, indica que a Lenovo já tem 14,7% do mercado de PCs, enquanto a HP se mantém um pouco a frente, com 14,9%. A IDC indica a mesma tendência, apesar de divulgar números de participação de mercado diferentes, como mostra o gráfico abaixo:

Chart: Top 5 Worldwide PC Vendors, Market Share (unit shipments) Description: Source: IDC Worldwide Quarterly PC Tracker, July 11, 2012Note: IDC's Worldwide Quarterly PC Tracker provides PC market data for over 80 countries by vendor, form factor, brand, processor brand and speed, sales channel and user segment. The research includes historical and forecast trend analysis as well as price band and installed base data.For more information, or to subscribe to the research, please contact Kathy Nagamine at 1-650-350-6423 or knagamine@idc.com.Further detail about this tracker can be found at:http://www.idc.com/tracker/showproductinfo.jsp?prod_id=1 Tags: Q2 2012 PC data, 2Q12, 2012Q2, Desktop, Notebook, PC Author: IDC charts powered by iCharts

Outro destaque no trimestre é a Asus. No último ano, a empresa foi a fabricante que mais cresceu, com 39,8% de aumento nas vendas em relação ao segundo trimestre de 2011. Contudo, segundo o IDC, a empresa ainda aparece em quinto lugar no ranking dos maiores fabricantes, com 7,1% do mercado global de PCs.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.