Desenvolvedores poderão estipular período de testes para usuários experimentarem aplicativo antes de pagar valor por meio da Windows Store

O preço mínimo dos aplicativos para Windows 8 vendidos pela Windows Store será US$ 1,49 (R$ 3) de acordo com novas informações divulgadas pela Microsoft. A empresa não estipulou um preço máximo para os aplicativos oferecidos na loja. Além dos aplicativos pagos, os desenvolvedores poderão continuar oferecendo aplicativos gratuitos, com ou sem publicidade.

LEIA TAMBÉM:
Fique por dentro do Windows 8

Aplicativos baixados no Windows 8 terão período de testes definido pelo desenvolvedor
Reuters
Aplicativos baixados no Windows 8 terão período de testes definido pelo desenvolvedor

Até o momento, todos os aplicativos disponíveis na Windows Store podem ser baixados gratuitamente, já que o período de testes do Windows 8 só termina em outubro, quando o produto será lançado oficialmente.

Os usuários, segundo a Microsoft, poderão testar os aplicativos antes de comprá-los na loja, da mesma forma como já ocorre no Windows Marketplace, loja de aplicativos para smartphones com o sistema Windows Phone. O desenvolvedor do aplicativo será o responsável por estipular o período de testes do aplicativo.

O teste de aplicativos é permitido na App Store, loja de aplicativos para dispositivos móveis da Apple, desde março de 2012. No caso do Google Play, loja de aplicativos para o sistema operacional Android, os usuários não tem período de testes, mas, durante os 15 minutos após o download, podem pedir a devolução do dinheiro, caso não aprovem o aplicativo.

Além de permitir testes, os desenvolvedores de aplicativos para Windows 8 também poderão permitir compras dentro do próprio aplicativo, exibir publicidade em aplicativos gratuitos e também fazer a cobrança do aplicativo por meio de meios de pagamento próprios - desde que o sistema atenda aos pré-requisitos impostos pela Microsoft.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.