Tablet chega com atraso ao país, por conta de disputa entre Apple e Proview sobre direitos sobre a marca iPad na China

O novo iPad começou a ser vendido nesta sexta-feira (20) na China, depois de cinco meses do lançamento oficial do produto. Fãs da Apple no país formaram filas para serem os primeiros a comprar o tablet. Confira as fotos na galeria abaixo:

Na Apple Store de Pequim, uma das cinco lojas próprias da Apple na China, os primeiros consumidores sairam da loja aplaudidos pelos funcionários, uma tradição em todas as lojas da Apple no mundo durante o primeiro dia de venda de novos produtos.

O produto chegou com atraso à China por conta de uma disputa entre a Apple e a Proview, que detém os direitos sobre a marca iPad no país. No início de julho, a Apple pagou US$ 60 milhões à empresa que a processou para resolver a polêmica em torno dos direitos da marca.

LEIA TAMBÉM:
Novo iPad tem resolução maior que XBox 360 e PS3
Análise: novo iPad é o melhor tablet do mercado

O novo iPad pesa 635 gramas e tem 9,4 milímetros, um pouco mais grosso e pesado que o iPad 2. O produto vem com bateria que, segundo a Apple, tem autonomia de 10 horas - mais duradoura que a versão anterior.

A câmera da nova versão do iPad fotografa com 5 megapixels de resolução e oferece recursos avançados, com estabilizador de imagem, muitos deles apresentados no iPhone 4S. A câmera também grava vídeos com resolução de 1080p (full HD).

O produto também ganhou recurso de reconhecimento de voz, que permite ao usuário "ditar" e-mails e mensagens de texto. A nova ferramenta está disponível apenas nos idiomas inglês, francês, japonês e alemão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.