Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google

iPhone e Android já representam 85% do mercado de smartphones, diz IDC

Por outro lado, Nokia e fabricante do BlackBerry enfrentam resultados ruins em vendas de aparelhos, na comparação com o segundo trimestre de 2011

iG São Paulo | - Atualizada às

O iPhone, smartphone da Apple, em conjunto com os smartphones com o sistema operacional Android, do Google, já representam 85% do total de aparelhos vendidos em todo o mundo. Os números, divulgados hoje (8) pela consultoria IDC, são relativos ao segundo trimestre de 2012.

Getty Images
Smartphones com Android são os mais populares em todo mundo, diz IDC

Os smartphones com o sistema operacional Android são os mais populares, com 68,1% de participação de mercado, o que representa 104,8 milhões de aparelhos vendidos - um crescimento de 46,9% em relação ao mesmo período de 2011.

A plataforma da Apple é a segunda mais popular, com 16,9% do mercado ou 40 milhões de dispositivos vendidos no segundo trimestre. A Apple aumentou suas vendas de iPhones em 27,5%. Entre os motivos para a velocidade da venda de iPhones diminuir estão os rumores do lançamento do iPhone 5 em 12 de setembro .

A Samsung, maior fabricante de smartphones com Android, aumentou as vendas de aparelhos em 44% em relação ao segundo trimestre de 2011. O forte resultado ocorreu graças às vendas do smartphone Galaxy S III , mais avançado smartphone da Samsung. A empresa vendeu mais de 10 milhões de unidades do aparelho em apenas dois meses.

A venda de aparelhos com Symbian, da Nokia, caíram 62,9% na comparação ano a ano. A empresa, no entanto, têm ajudado a popularizar o sistema Windows Phone, da Microsoft, em smartphones. De acordo com a IDC, o Windows Phone tem 3,5% do mercado e, durante o segundo trimestre de 2011, o sistema estava em 5,4 milhões de smartphones vendidos.

A Research in Motion (RIM), fabricante dos smartphones BlackBerry, também registrou a menor participação de mercado desde 2009: no segundo trimestre do ano passado, a empresa tinha 11,9% e, agora, tem 4,8%.

Leia tudo sobre: smartphonesandroidiphonenokiaRIMblackberry

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG