Segundo empresa, ao recomendar ou curtir página por meio de sites de terceiros, rede social contabilizava mais de um clique nas páginas de fãs

O Facebook está corrigindo uma falha em sua plataforma que permite que os usuários aumentem, de maneira artificial, o número de "likes" (Curtir, em inglês) em suas páginas de fãs. De acordo com o site da BBC , ao enviar o link de uma página no Facebook para um amigo por meio de uma mensagem privada, o sistema adicionaria dois cliques no botão Curtir na página. Um "like" seria adicionado ao deixar um comentário em uma história publicada pela página.

Facebook contabiliza cliques no botão Curtir quando usuário clica no botão ou quando recomenda uma página de empresa aos amigos
Getty Images
Facebook contabiliza cliques no botão Curtir quando usuário clica no botão ou quando recomenda uma página de empresa aos amigos

Em nota, o Facebook afirmou que a falha não expôs nenhuma informação pessoal dos usuários e negou que estivesse adicionando cliques no botão Curtir sem o consentimento dos usuários.

"O contador reflete o número de vezes que as pessoas clicaram no botão 'Curtir' e também o número de vezes que as pessoas recomendaram este link por meio do Facebook", disse um porta-voz da empresa, à BBC.

A empresa afirmou que, quando um clique no botão Curtir é adicionado em uma página por conta de uma recomendação do usuário a um amigo, nenhuma informação pessoal é acessada. Apesar disso, a empresa afirma que a plataforma recentemente apresentou uma falha que adiciona dois "likes" na página quando um usuário pressiona o botão Curtir ou Recomendar, na página de terceiros.

Apesar da explicação da empresa, ainda não está claro se os links compartilhados com amigos por meio da rede social com comentários negativos também poderiam ser contabilizados pelo sistema como "like".

1 bilhão de usuários

Nesta semana, o Facebook anunciou que superou a marca de 1 bilhão de usuários ativos por mês, que representa o número de pessoas que acessou a rede social pelo menos uma vez no período. Com crescimento de 146% no número de usuários, o Brasil foi o País que mais cresceu no Facebook recentemente.

    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.