Todos os usuários receberão, nos próximos meses, novo perfil que facilita acompanhamento atualizações dos amigos e compartilhamento de atividades

O LinkedIn, rede social voltada para profissionais, anunciou nesta terça-feira (16) o novo visual dos perfis, agora mais centralizados no compartilhamento de informações com a rede de contatos. A página ganhou uma foto maior e continua a exibir o resumo das informações do usuário no topo, como cidade, emprego atual e formação, mas ganhou um espaço de destaque com campo para compartilhar atualizações de status, vídeos e links da web.

LEIA TAMBÉM:
5 dicas para usar melhor o LinkedIn
LinkedIn confirma roubo de senhas de acesso ao site

Novo perfil do LinkedIn mostra campo de atualização de status próximo ao topo da página para facilitar acesso
Divulgação
Novo perfil do LinkedIn mostra campo de atualização de status próximo ao topo da página para facilitar acesso

De acordo com Aaron Bronzan, gerente de produto do LinkedIn, a equipe da rede social tornou mais fácil acompanhar as atividades dos amigos e se engajar com eles para compartilhar informações. "As atividades recentes estão no topo do perfil, o que permite que o usuário esteja atualizado sobre o que sua rede de contatos está compartilhando e fazendo."

A seção de "Pessoas que talvez você conheça" também ganhou espaço de destaque na parte superior do perfil, para que os usuários possam se conectar com pessoas que estão em sua rede ou que tenham interesses profissionais em comum. Agora, o usuário também pode acompanhar as empresas que tem o maior número de seus contatos entre os funcionários.

Outro novo recurso permite que o usuário adicione contatos da rede social como colegas durante projetos, cursos, experiências profissionais, publicações realizadas, entre outros. Após incluir o colega, uma foto dele, além do nome e atual cargo, aparecerão junto ao tópico sobre o tema no perfil.

10 milhões de usuários no Brasil

A rede social para profissionais LinkedIn alcançou a marca de 10 milhões de usuários no Brasil, dois anos e meio após lançar sua versão em português. Desde então, o LinkedIn aumentou em 10 vezes o número de pessoas cadastradas na rede social. "Nosso crescimento neste mercado tem sido realmente incrível de testemunhar", escreveu Osvaldo Barbosa de Oliveira, diretor geral do LinkedIn para o Brasil, no blog oficial.

A maior parte dos usuários brasileiros do LinkedIn está localizada nas cidades de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo. No total, os usuários da rede social no Brasil mantêm cerca de 1,9 mil grupos de discussão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.