De acordo com Kim DotCom, novo algoritmo vai embaralhar arquivos antes de serem enviados aos servidores e acesso só será permitido por meio de uma chave de acesso

O Megabox, novo serviço do mesmo fundador do Megaupload, encriptará os arquivos dos usuários antes de armazená-los nos servidores da empresa. Revelado por Kim DotCom, fundador do Megaupload, ao site da revista Wired , o recurso protegerá a privacidade dos usuários, já que apenas eles receberão um código para descodificar os arquivos.

LEIA TAMBÉM:
Conheça Kim DotCom, o milionário por trás do Megaupload
Fotos mostram vida de DotCom em sua mansão de R$ 52 milhões

DotCom, enfrenta processo por pirataria online e lavagem de dinheiro e pode ser extraditado
Getty Images
DotCom, enfrenta processo por pirataria online e lavagem de dinheiro e pode ser extraditado

O novo serviço pode isentar DotCom de qualquer responsabilidade sobre o conteúdo armazenado no site, o que não foi possível com o Megaupload.

No início deste ano, DotCom e vários executivos responsáveis pela empresa foram presos e o site fechado sob acusações de pirataria online e lavagem de dinheiro - principalmente por conta do uso do site para armazenar e compartilhar cópias piratas de músicas e filmes.

Segundo DotCom, o Megabox resolverá os problemas dos serviços de armazenamentos em nuvem atuais. Ao fazer upload de um arquivo no site, um algoritmo chamado Padrão de Criptografia Avançada embaralhará o arquivo antes de enviá-lo para os servidor. O site oferecerá uma chave de acesso ao arquivo para o dono, única forma de desembaralhar o arquivo - que poderá ser compartilhada com outras pessoas.

A chave de acesso não será armazenada pelo Megabox, disse Mathias Ortmann, sócio de DotCom, ao site, o que impedirá que o site seja responsabilizado pelo conteúdo armazenado. "Se os servidores forem perdidos, se o governo chegar ao data center e roubá-los, se um hacker invadir o servidor, isso não permitirá acesso a nada", diz DotCom. "Qualquer arquivo que seja armazenado no site, continuará fechado e com acesso exclusivo a quem tiver a chave."

A resposabilidade pela chave de acesso aos arquivos será de responsabilidade do usuário. Para que um link para download de um arquivo saia do ar, um juiz precisará fazer um pedido formal especificando o arquivo que deve ser retirado. Caso o usuário faça upload de um mesmo arquivo várias vezes, o Megabox gerará vários arquivos criptografados diferentes que, para serem retirados do ar, deverão estar especificados em vários solicitações judiciais.

Para aumentar ainda mais a segurança dos arquivos, segundo DotCom, os arquivos serão armazenados em dois data centers, localizados em dois países distintos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.