Usuários agora podem continuar exibição de um vídeo no iPhone ou iPad no mesmo ponto em que pararam no computador ou na Apple TV

A Apple liberou, na tarde desta quinta-feira (29), a nova versão do software iTunes para download. Os usuários de iPhone, iPad, MacOS e Windows podem baixar o sistema a partir do site da Apple . Em sua nova versão, o sistema ganhou novo visual, além de maior integração com o iCloud, serviço de backup em nuvem da Apple.

iTunes 11 ganha nova interface de navegação por biblioteca de músicas e filmes
Reprodução
iTunes 11 ganha nova interface de navegação por biblioteca de músicas e filmes

A nova versão do sistema, segundo fontes do jornal The Wall Street Journal, chega com um mês de atraso em relação à data original do lançamento. A data teria sido adiada por conta de partes do software que precisaram ser reescritas antes da liberação do iTunes 11 para o público.

A Apple redesenhou a interface do iTunes 11, que agora é mais visual. Ao clicar nos menus de conteúdo (como aplicativos, músicas e vídeos), o iTunes mostra a capa ou ícone dos conteúdos, com um pequeno texto de identificação embaixo, o que facilita a navegação. Ao selecionar um item, como um álbum de música, uma área expandida mostra os detalhes, por exemplo a lista de músicas e também recomendações à venda na loja virtual.

A nova versão também ganhou um novo mini player. Segundo a Apple, agora é possível ver as músicas que serão tocadas na sequência e buscar outras músicas na biblioteca sem ter que abrir a versão completa do iTunes.

iTunes Store de cara nova

A loja online da Apple, integrada ao iTunes 11, também ganhou novo visual, mais parecido com a versçao móvel para iPhone e iPad. Agora, o usuário acessará a mesma iTunes Store em qualquer dispositivo. A loja ganhou uma nova seção, chamada histórico, para que o usuário encontre facilmente as músicas, aplicativos ou filmes que estava observando da última vez que acessou a loja. O histórico será sincronizado entre todos os dispositivos por meio do iCloud.

O iCloud, aliás, se tornou mais integrado com o software. Agora, quando o usuário compra uma música ou filme no computador poderá acessá-lo imediatamente no iPhone ou iPad. O novo botão "Baixar" permite que o usuário baixe o conteúdo em outro dispositivo assim que a compra foi realizada.

O iCloud também manterá estes conteúdos sincronizados em todos os aparelhos do usuário, de forma que, se ele parar de assistir um filme em determinado ponto na Apple TV, poderá continuar assistindo a partir do mesmo ponto no iPad depois.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.