Novo aplicativo, que permite cuidar de animal de estimação, ganhou versão para Android e deve chegar ao iPhone em breve

O "bichinho virtual", dispositivo que se tornou popular em todo o mundo na década de 1990, está de volta, desta vez em forma de aplicativo para smartphones e tablets com o sistema operacional Android, do Google. O aplicativo traz uma réplica do aparelho de plástico que se tornou uma sensação depois de chegar às lojas do Japão em 1996.

AP
"Bichinho virtual" chega aos aparelhos com sistema Android

O aplicativo é chamado Tamagotchi L.i.f.e. (este último que significa o amor é divertido em qualquer lugar, em inglês) e sugere que os usuários tomem conta de um bicho de estimação virtual ao pressionar teclas que simulam o ato de alimentar, disciplinar e brincar com o animal. Se o usuário esquece de tomar conta do animal, ele morre.

"A cada dois meses vamos atualizar o aplicativo e ele evoluirá", diz Shin Ueno, diretor de marketing da Sync Beatz, empresa que fez a parceria com a Bandai para lançar o aplicativo. Ele terá uma versão para o iPhone e iPad em breve.

Segundo as empresas, o aplicativo possui dois modos: o antigo funciona como o original, com três botões; o novo usa os novos recursos das telas sensíveis ao toque e permitem que o usuário jogue "Pedra, Papel e Tesoura" com seus animais de estimação virtuais. O aplicativo é gratuito, mas existe uma versão sem anúncios disponível por US$ 0,99.

O aplicativo marca a volta do Tamagotchi, que foi sucesso de vendas com mais de 78 milhões de unidades vendidas em todo o mundo. "Eu acredito que o Tamagotchi traz boas lembranças às pessoas. Quando participamos de uma exposição no ano passado, as pessoas que chegavam em nosso estande abriam um sorriso quando percebiam do que se tratava", diz Barry Stagg, diretor de comunicação da Sync Beatz.

Além do aplicativo, a empresa pretende lançar outros produtos com a marca Tamagotchi L.i.f.e. no próximo ano, como acessórios e roupas.

*Com informações da AP.

    Leia tudo sobre: aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.