Lumia 520 e Lumia 720 são novas apostas da empresa para concorrer com Android, do Google, no segmento de smartphones básicos

Em coletiva realizada nesta segunda-feira (25) durante o Mobile World Congress 2013, em Barcelona, a Nokia apresentou dois novos smartphones com o sistema Windows Phone. Os aparelhos Lumia 520 e Lumia 720 terão preços mais baixos do que os aparelhos da empresa com Windows Phone atualmente no mercado.

Nokia Lumia 520 é o mais barato com Windows Phone
Divulgação
Nokia Lumia 520 é o mais barato com Windows Phone

O Lumia 520 tem câmera de 5 megapixels, 8 GB de memória para armazenamento e entrada para cartão de memória.

O aparelho tem tela de 4 polegadas e, como outros modelos da linha Lumia, tem tela que responde ao toque mesmo quando o usuário está com luvas.

O Lumia 520 tem processador Snapdragon de 1 GHz e dois núcleos e será o modelo mais barato da Nokia com Windows Phone.

A Nokia não divulgou preços para o Brasil. Mas a empresa afirma que o preço base do aparelho, sem impostos, é de 139 euros (cerca de R$ 360). Atualmente, o modelo mais barato da linha Lumia à venda no Brasil é o 620, vendido por R$ 899. O Lumia 520 começará a ser vendido em março na Ásia e, segundo a Nokia, chegará rapidamente à América Latina.

Lumia 720

Outro celular apresentado nesta segunda-feira foi o Lumia 720. O aparelho tem corpo de policarbonato, tecnologia sem fio NFC e, segundo a Nokia, uma das melhores câmeras do mercado, com abertura de f/1.9, lentes Carl Zeiss, gravação de vídeo em 720p e resolução de 6,7 megapixels. O Lumia 720 tem ainda tela de 4,3 polegadas, 8 GB de memória de armazenamento, 512 MB de RAM e entrada para cartão.

Segundo a Nokia, o preço-base do Lumia 720 será de 249 euros (R$ 650), sem contar impostos. O aparelho começará a ser vendido em março, na China. Ainda não há previsão para outros países.

Concorrência

O lançamento dos novos aparelhos faz parte da estratégia da Nokia de tornar a plataforma Windows Phone mais acessível. Desde seu lançamento, o sistema é elogiado por analistas e conquistou um nicho entre usuários mais descolados, mas ainda não se tornou popular e tem menos de 5% do mercado de smartphones.

O principal concorrente da Nokia entre os smartphones mais baratos é o sistema Android, do Google. Ele pode ser encontrado em celulares de vários fabricantes com preços a partir de R$ 400. Atualmente, o aparelho com Windows Phone mais barato no Brasil custa R$ 900.

Outros fabricantes, como Samsung e HTC, também têm aparelhos com Windows Phone, mas a Nokia é a empresa que mais aposta na plataforma.

Celulares básicos

A Nokia apresentou também no evento dois celulares convencionais, o 105 e o 301. Ambos os aparelhos são celulares básicos com teclado T9 (apenas teclas numéricas) e sistema operacional próprio. O 105 é bem básico e tem apenas rádio FM como recurso extra. Já o 301 tem câmera de 3,2 megapixels e navegador web.

A Nokia espera que os novos celulares aumentem suas vendas em mercados emergentes. Os aparelhos indicam que a companhia está se reorientando para a extremidade do mercado de celulares mais baratos, onde faz a maior parte de sua receita com aparelhos.

"Isso é uma parte fundamental da nossa abordagem à concorrência, especialmente em um país como a China", disse o presidente-executivo da Nokia, Stephen Elop.

O Nokia 105 será provavelmente o celular o mais barato disponível no mundo com uma grande marca, segundo a empresa de pesquisa IDC.

Com informações da Reuters


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.