Segundo site The Verge, protótipos criados pela empresa até o momento não têm a autonomia desejada

Há três semanas, a agência Bloomberg publicou matéria em que noticiava um projeto de um relógio digital feito pela Apple . Nesta segunda-feira (4), surgiram novos rumores sobre o projeto.

Segundo o site The Verge , o relógio da Apple deve rodar uma versão modificada do iOS (sistema do iPhone e do iPad), em vez de uma nova versão do sistema do iPod nano. Esse player de música da Apple, em sua sexta geração, era um pequeno quadrado de três centímetros e podia ser usado como um relógio. Por isso, especulava-se que um futuro relógio da Apple poderia usar uma versão aprimorada do sistema do iPod nano.

O The Verge diz ainda que um dos obstáculos enfrentados pelos engenheiros da empresa é a duração de bateria. A Apple estaria planejando lançar um relógio com autonomia de cinco dias. Mas os protótipos criados pela empresa até agora têm que ser recarregados a cada dois dias, segundo o The Verge. As fontes do site confirmam que a ideia da Apple é lançar o relógio até o fim do ano. 

Concorrentes

Se o suposto relógio de pulso da Apple chegar ao mercado, ele já encontrará alguns concorrentes: em janeiro, a Pebble Technology anunciou seu relógio de pulso conectado, o Pebble . Ele funciona sincronizado por meio de Bluetooth com o iPhone e aparelhos com o sistema operacional Android e permite ver notificações sobre mensagens e chamadas recebidas na tela do relógio, bem como controlar o tocador de MP3 e usar o cronômetro.

A Sony também tem um relógio inteligente, chamado de SmartWatch. Ele funciona em conjunto com celulares Xperia e exibe e-mails, mensagens e outras atualizações.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.