Aplicativos do serviço para PC, Mac, Linux e Android devem receber atualização a partir desta terça-feira; iPhone e iPad só serão traduzidos nas próximas semanas

O Dropbox acaba de anunciar, em evento realizado em São Paulo, que o serviço já está disponível em português. Os internautas brasileiros que acessarem o serviço de backup em nuvem por meio da web ou baixarem o aplicativo pela primeira vez para PC, Mac, Linux e Android a partir desta terça-feira (12) já terão acesso a nova versão.

LEIA TAMBÉM:  4 serviços para guardar arquivos na nuvem

Dropbox facilita compartilhamento de arquivos com grupo de pessoas
Reprodução
Dropbox facilita compartilhamento de arquivos com grupo de pessoas

De acordo com Jon Ying, um dos primeiros funcionários do Dropbox, o aplicativo para iPhone, iPod Touch e iPad em português será disponibilizado na App Store brasileira nas próximas semanas.

O Brasil é o primeiro país da América Latina a ganhar uma versão do Dropbox no idioma local. Atualmente, o serviço possui versões para outros sete idiomas, entre eles espanhol, francês e alemão. De acordo com os executivos da empresa, que não revelam o número exato de brasileiros cadastrados no serviço, o Brasil já possui "milhões" de usuários do Dropbox.

A versão em português do Dropbox chegará junto com novos recursos do serviço, disponíveis globalmente, que incluem um menu para permitir o rápido acesso a notificações recebidas por meio do Dropbox, como convites para compartilhamento de arquivos e alterações recentes em arquivos já compartilhados.

Concorrência no Brasil

Assim como em outros países do mundo, o Dropbox enfrenta a concorrência de serviços de grandes empresas de tecnologia, como o Microsoft SkyDrive, o Google Drive e o iCloud, da Apple. O serviço é o que menos oferece espaço gratuito para os usuários entre as opções do mercado, com 2 GB. Para aumentar o espaço disponível, o usuário também paga mais caro que o preço praticado pelos concorrentes: US$ 10 ao mês por 50 GB ou US$ 20 ao mês por 100 GB.

De acordo com os executivos do Dropbox, apesar do lançamento em português, a assinatura do serviço continuará sendo vendida em dólares no Brasil. A empresa afirma que tem planos de facilitar o pagamento pelo serviço em moedas locais no futuro, mas não especificou quando isso deve se tornar realidade. "Ainda somos um time pequeno", disse Ying, durante a coletiva de imprensa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.