Inicialmente, apenas versão de 16 GB será vendida no País, já que a Samsung ainda estuda demanda do mercado por opções com memória maior

Apresentado na noite desta quinta-feira (14) em Nova York (EUA), o smartphone Galaxy S4, da linha Samsung Galaxy , chegará ao Brasil no final de abril com preço de R$ 2.399 para a versão com conexão 3G. A versão compatível com redes de telefonia celular de quarta geração (4G) custará R$ 2.499. O Brasil está no grupo dos primeiros países que receberão o aparelho. A data inicial prevista para o lançamento é 26 de abril.

LEIA TAMBÉM:
Galaxy S4 tem câmera de 13 megapixels e tradutor instantâneo
Veja a evolução do Galaxy S em três anos
Galaxy S4 busca combater a Apple no mercado americano

Ambos os preços são para as versões do aparelho com 16 GB de memória interna. A Samsung ainda está estudando se lançará as versões de 32 GB e 64 GB no mercado brasileiro. Além da memória interna, o Galaxy S4 tem entrada para cartões de memória de até 64 GB e também 50 GB de espaço em nuvem.

Samsung Galaxy S4
Getty Images
Samsung Galaxy S4

O novo aparelho possui tela Super AMOLED de 5 polegadas com resolução full HD. Apesar de pouco maior do que a tela do Galaxy S III, ela ocupa mais espaço na parte frontal do aparelho, que também ficou mais fino e leve. O produto deve chegar às lojas de 155 países até o final de abril. Ele estará disponível em 155 países até o final de abril.

O produto chega ao mercado com processador Exynos 5 Octa de 1,8 GHz com oito núcleos, sendo o primeiro smartphone do mercado a oferecer um chip com tanto núcleos. O Galaxy S4 também é equipado com 2 GB de memória RAM e roda o sistema operacional é o Android 4.2 ou Jelly Bean, última versão anunciada pelo Google.

Processador

As versões 3G e 4G do Galaxy S4 virão com processadores diferentes. Na versão 4G, o processador é um Snapdragon Fusion Pro de 1,9 GHz com quatro núcleos. Na versão 3G, o aparelho terá um processador Exynos 5 de 1,6 GHz com oito núcleos.

*O jornalista viajou a Nova York (EUA) a convite da Samsung.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.