Novo sistema da BlackBerry permite rodar aplicativos do Android, desde que sejam convertidos pelos desenvolvedores

Dos 100 mil aplicativos disponíveis para os novos smartphones BlackBerry, com a versão 10 do sistema operacional, 20% foram criados originalmente para Android e depois portados pelos desenvolvedores para a nova plataforma da empresa. A informação foi divulgada por Martyn Mallick, vice-presidente de alianças globais e desenvolvimento de negócios, da BlackBerry, ao blog All Things Digital , vinculado ao jornal The Wall Street Journal.

LEIA TAMBÉM:
Com Z10, BlackBerry mostra que ainda está viva

BlackBerry Z10 chegará ao Brasil até junho
Getty Images
BlackBerry Z10 chegará ao Brasil até junho

"Nossos usuários merece ter um ótimo conteúdo. Se esta é a maneira mais rápida de conseguir uma parte deste conteúdo, então isso é ótimo", disse Mallick, ao blog. Segundo o executivo, muitos desenvolvedores tinham a intenção de apenas ajustar seus aplicativos Android para a nova plataforma da BlackBerry, mas agora estão desenvolvendo versões nativas ou adaptações que levem em conta recursos exclusivos do sistema BlackBerry 10.

A empresa, que ainda não oferece aplicativos populares como Netflix ou Instagram , tenta convencer um número maior de desenvolvedores a criar aplicativos nativos para o sistema em longo prazo.

Desde o ano passado, por exemplo, a empresa oferece uma garantia aos desenvolvedores que eles poderão lucrar até US$ 10 mil durante o primeiro ano após colocarem seus aplicativos na loja da BlackBerry. A empresa promete pagar a diferença , caso o desenvolvedor não atinja a meta. Além disso a BlackBerry afirma que adotará apenas dois tamanhos de tela diferentes para os seis novos smartphones programados para lançamento em 2013.

O smartphone Z10, modelo mais avançado da BlackBerry, chegou às lojas da operadora americana AT&T na última sexta-feira (22). Além dos EUA, outros 25 países já receberam o Z10. No Brasil, a expectativa da empresa é de que o smartphone chegue às lojas até junho .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.