Em evento em São Paulo, empresa anunciou início das vendas do Optimus G na próxima semana, mas não deve demorar a lançar versão mais avançada no País

A LG anunciou nesta quinta-feira (18) que o smartphone Optimus G estará disponível nas lojas de todo o Brasil a partir dos próximos dias. O produto será vendido no País por R$ 2 mil. Contudo, outra versão do aparelho mais avançada, o Optimus G Pro , não deve demorar a chegar ao País. "Posso dizer que o Optimus G Pro chegará muito em breve", diz Rafael Rocha, gerente-geral de produtos e estratégias da LG Electronics.

LEIA TAMBÉM:
Compare o Optimus G com os rivais Galaxy S4, Lumia 920 e iPhone 5

O Optimus G Pro possui tela de 5,5 polegadas com resolução HD, processador de 1,7 GHz com quatro núcleos, além de câmeras frontal e traseira que filmam em alta resolução (1080p). A tela é maior do que a do Optimus G, que possui tela de 4,7 polegadas. A versão menor do aparelho também possui processador Snapdragon S4 Pro, de 1,5 GHz com quatro núcleos. Ambos os modelos possuem câmera de 13 megapixels.

Apresentado no Mobile World Congress, Optimus G Pro é uma das atrações da LG. O aparelho tem tela de 5,5 polegadas
AP
Apresentado no Mobile World Congress, Optimus G Pro é uma das atrações da LG. O aparelho tem tela de 5,5 polegadas

O executivo da LG não revelou qual será o preço do Optimus G Pro no Brasil, mas afirmou que o produto chegará ao Brasil já com uma atualização do Android , que inclui diversos novos recursos, e foi anunciada pela empresa na Coreia do Sul na semana passada. Alguns dos recursos são similares aos apresentados pela Samsung, principal rival da LG no mercado de celulares, durante o lançamento do Galaxy S4 .

Com a atualização, o smartphone mais avançado da LG pausará os vídeos, se o usuário deixar de olhar para a tela e gravará vídeos com a câmera traseira e frontal ao mesmo tempo. Além disso, será possível pausar a gravação de um vídeo e depois continuá-la mantendo todo o conteúdo dentro de um mesmo arquivo.

Questionado pelo iG , Rocha afirmou que os novos recursos não foram uma inovação da Samsung. "Eu morei na Coreia do Sul e este tecnologia não é nova, já havia sido desenvolvida por uma empresa pequena de lá. Agora os fabricantes estão incorporando em seus aparelhos", disse Rocha. Segundo o executivo, a empresa considera oferecer a atualização que traz os novos recursos também para o Optimus G.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.