Novos tablets chegarão primeiro ao Reino Unido, no final de 2013, mas ainda não tem data para chegar em outras regiões, como a América Latina

A Samsung anunciou, nesta segunda-feira (3), novos modelos da linha de tablets Galaxy Tab, da linha Galaxy , que chegaram à sua terceira geração com o modelo de 7 polegadas , anunciado em abril deste ano. Os novos produtos possuem telas de 8 polegadas e 10.1 polegadas, sendo que o último será o primeiro tablet da Samsung a chegar ao mercado equipado com processador da Intel.

LEIA TAMBÉM:
Galaxy Note com tela de 8 polegadas chega ao Brasil por R$ 1,6 mil

Galaxy Tab 3, com tela de 10,1 polegadas, possui processador potente e bateria de longa duração
Divulgação
Galaxy Tab 3, com tela de 10,1 polegadas, possui processador potente e bateria de longa duração

A decisão da Samsung começar a usar Intel em um dispositivo Android dá fôlego para a fabricante de chips Intel, conforme ela se apressa para marcar posição no mercado de dispositivos móveis. Até o momento, a Samsung usava somente chips projetados com a tecnologia da empresa britânica ARM Holdings em seus principais dispositivos móveis.

O Galaxy Tab 3 de 8 polegadas, que chega apenas quatro meses após o lançamento do Galaxy Note 8.0 durante o Mobile World Congress 2013, possui processador de 1,5 GHz com dois núcleos, 1,5 GB de memória RAM e acompanha 16 GB ou 32 GB de memória interna, além de entrada para cartão microSD.

O produto possui câmera frontal e traseira, esta última que tira fotos com 5 megapixels de resolução. O produto é compatível com redes de quarta geração da telefonia celular (LTE) e possui tela com resolução de 1.280 x 800 pixels. Ambos os tablets chegarão ao mercado com o sistema operacional Android na versão 4.2 ou Jelly Bean, a mais recente anunciada pelo Google.

No caso da versão maior, com tela de 10.1 polegadas, as especificação inclui um processador de 1,6 GHz com dois núcleos fabricado pela Intel. O produto também possui uma bateria de longa duração, com maior autonomia do que a existente na versão menor do produto.

*Com informações da Reuters.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.