Empresa afirma que estuda quais recursos as pessoas esperam que estejam presentes em tecnologias que possam ser "vestidas"

A Acer poderá lançar, em 2014, algum produto inteligente que as pessoas possam usar, como um óculos similar ao do Google ou um relógio inteligente , que funcionem de maneira integrada com o smartphone. A informação foi confirmada por ST Liew, presidente da divisão de smartphones da Acer, ao site Pocket-Lint .

LEIA TAMBÉM:
Óculos inteligentes do Google ganham primeiros concorrentes
Conheça o Google X, o laboratório secreto do Google

"Estamos olhando para os dispositivos 'usáveis'. Eu acredito que toda a empresa de eletrônicos deva olhar para esses produtos. Eles não são novos... mas ainda não explodiram no mercado como deveriam. Mas há uma oportunidade para um mercado que vale bilhões de dólares", disse o executivo em entrevista ao Pocket-Lint.

O desafio, segundo o executivo, é chegar a um produto que desperte o interesse dos usuários, ou seja, escolher os recursos que as pessoas esperam que estejam presentes em um dispositivo que elas possam "vestir". Segundo Liew, a Acer está trabalhando em um projeto que será revelado no ano que vem.

Mercado em alta

De acordo com a consultoria Juniper Research, em um estudo publicado em janeiro, o mercado total para os dispositivos eletrônicos que o usuário pode vestir, que inclui aparelhos médicos e corporativos além dos acessórios conectados para pessoas comuns, alcance 70 milhões de unidades em quatro anos.

Os produtos mais populares no futuro, segundo a Juniper, serão aqueles que tiverem funções relacionadas a esportes ou saúde, como aplicativos para monitorar a frequência cardíaca durante uma corrida ou mapas para traçar o percurso da bicicleta. De acordo com o estudo, os aparelhos com estas características devem representar 80% do mercado em 2017. A maior parte das vendas, como normalmente ocorre, ficará concentrada nos EUA e Europa.

Em 2017, a Juniper prevê que o preço de dispositivos como os óculos conectados -- que chegam a custar mais de R$ 5 mil atualmente -- comece a cair e mais pessoas possam adotar estes aparelhos em seu dia a dia.

Confira na galeria abaixo os primeiros rivais dos óculos inteligentes do Google com Android:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.