BlackBerry revelou que vendeu apenas 100 mil unidades do tablet no último trimestre e prevê que categoria de produtos desaparecerá do mercado em cinco anos

A BlackBerry vendeu apenas 100 mil unidades do tablet PlayBook no primeiro trimestre do ano fiscal de 2014 (março a maio de 2013) informou Thorsten Heins, CEO da empresa, durante a apresentação dos resultados realizada nesta sexta-feira (30). Por conta do fraco resultado, a empresa decidiu não atualizar o tablet para a versão mais recente do sistema operacional, o BlackBerry 10, como havia prometido aos usuários no início de 2013.

LEIA TAMBÉM:
Com Z10, BlackBerry mostra que ainda está viva
BlackBerry 10 suportará aplicativos criados para Android 4.1, diz site

PlayBook não terá atualização para nova versão do sistema da BlackBerry
Reprodução
PlayBook não terá atualização para nova versão do sistema da BlackBerry

Segundo o site The Verge , durante a conferência de resultados, Heins afirmou que a empresa não conseguiu alcançar o nível de desempenho do sistema desejado no PlayBook e, por isso, a atualização não seria liberada. A empresa afirmou que planeja focar seus investimentos na nova linha de smartphones BlackBerry , que utilizam a versão 10 do sistema operacional, que foi totalmente remodelada.

A BlackBerry lançou o tablet PlayBook em agosto de 2011, mas o produto chegou ao mercado rodeado de críticas , por oferecer poucos aplicativos. O produto chegou às lojas, por exemplo, sem cliente de e-mail e o aplicativo só foi anunciado mais de seis meses depois. Com o anúncio de que o produto não será atualizado, a empresa dá indícios de que manterá o produto nas lojas, mas reduzirá os investimentos na categoria de tablets.

Ainda sobre a categoria de tablets, Heins afirmou em entrevista à agência de notícias Bloomberg que acredita que a categoria de tablets deve desaparecer do mercado em até cinco anos. "Em cinco anos, eu não acredito que haverá mais razão para ter um tablet", diz Heins. "Talvez uma tela maior em seu espaço de trabalho, mas não um tablet. Tablets não são um bom modelo de negócios."

Resultados desapontam mercado

Além da notícia de que o tablet PlayBook não será atualizado, a BlackBerry também anunciou fracas vendas de smartphones no primeiro trimestre do ano fiscal de 2014. No primeiro trimestre de total disponibilidade do smartphone Z10, a BlackBerry vendeu 6,8 milhões de smartphones, sendo que 40% do total ou 2,7 milhões de unidades, utilizam a nova versão do sistema operacional da empresa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.