Sem canal de contato para comunicar bloqueio indevido de perfil, usuários da rede social ficam sem saber quais atividades infringiram termos de uso

Em meio à onda de protestos no Rio de Janeiro durante o mês de junho, o consultor de marketing Lucio Amorim, 29 anos, resolveu compilar informações sobre os protestos organizados em outras cidades do mundo e compartilhar com outros internautas. Com a ajuda de uma amiga, ele criou uma lista com os eventos organizados por meio do Facebook entre os dias 16 e 23 de junho em cidades como San Diego (EUA), Helsinki (Finlândia) e Tóquio (Japão).

Publicação de mapa das manifestações no mundo foi estopim para aumento de solicitações de amizade, diz Lucio Amorim
Reprodução/Lucio Amorim
Publicação de mapa das manifestações no mundo foi estopim para aumento de solicitações de amizade, diz Lucio Amorim

A lista, acompanhada de um mapa que mostrava todas as cidades que teriam protestos em solidariedade às manifestações no Brasil, foi compartilhada rapidamente por muitos usuários da rede social. Em poucos dias, mais de 20 mil pessoas compartilharam a lista com seus amigos. A página também recebeu mais de 4 mil "curtidas". A lista de solicitações de amizade de Amorim aumentou rapidamente e, em apenas cinco dias, ele aceitou 165 usuários como amigos.

"No início eu aceitei muita gente, mas o Facebook começou a me perguntar se eu conhecia essa pessoa fora da rede social", diz Amorim. Logo depois, quando o consultor tentou adicionar pessoas que conheceu durante os protestos em sua rede de amigos, ele não conseguiu: ao acessar o perfil das pessoas, o botão que permite solicitar uma nova amizade havia desaparecido. "Fiquei vários dias sem conseguir adicionar ninguém", reclama Amorim.

Amorim não é o primeiro usuário a ficar sem acesso à rede social após receber um grande número de solicitações de amizade, mas sem saber ao certo o motivo. A modelo Stella Abreu, eleita Miss Teen Brasil em 2013, também enfrentou o problema recentemente. Após participar de um vídeo para anunciar a parceria entre o concurso Miss Teen e o portal iG , Stella adicionou 60 pessoas à sua rede de amigos no Facebook, somente no primeiro dia.

Stella Abreu, a Miss Teen 2013, teve seu perfil no Facebook bloqueado após receber mais de 60 solicitações de amizade
André Giorgi
Stella Abreu, a Miss Teen 2013, teve seu perfil no Facebook bloqueado após receber mais de 60 solicitações de amizade

Stella recebeu uma mensagem do Facebook em que a rede social avisava que seu perfil seria bloqueado. A modelo acredita que não só o número de solicitações de amizade levaram ao bloqueio da página.

"Alguns dias antes eu havia encontrado um perfil falso com meu nome e denunciei. Além disso, enviei o link da reportagem para vários familiares por meio de mensagem. Acredito que o Facebook achou que havia algo errado e bloqueou minhas ações", diz Stella.

Segundo a modelo, a equipe do Facebook enviou uma mensagem com orientações para recuperar o controle de sua conta. Os passos incluiam a confirmação de dados pessoais e também da digitação de um código enviado por meio de mensagem de texto (SMS) para seu celular. Contudo, como o número do celular de Stella havia mudado recentemente, ela não recebeu o código.

"Perdi os contatos de todas as agências com as quais eu trabalhava", diz Stella, que não recuperou o acesso ao perfil. Além disso, até hoje ela não descobriu quais motivos levaram ao bloqueio. Por conta disso, segundo a modelo, o Facebook já bloqueou temporariamente seu perfil outras vezes após o bloqueio total de seu primeiro perfil. 

Política de uso do Facebook

Em sua central de ajuda, o Facebook esclarece que pode bloquear a conta de um usuário "se as solicitações enviadas não foram respondidas ou foram marcadas como indesejadas" por usuários da rede social. A equipe da rede social recomenda que os usuários do Facebook só enviem solicitações de amizade "para pessoas com que o usuário tem contato na vida real". No caso de pessoas que não conhece pessoalmente, a rede social recomenda o uso do botão "Seguir".

A medida tenta impedir que pessoas interessadas em enviar mensagens de spam usem a rede social para este fim. Nestes casos, é comum que o usuário crie um perfil e adicione o maior número de pessoas possível, de modo que, ao publicar uma propaganda, todas vejam a mensagem. O uso de perfis para oferecer produtos e serviços, no entanto, é vedado pelo Facebook. A rede social recomenda que as empresas utilizem as páginas de fãs (fan pages) para divulgarem informações sobre marcas.

Bloqueio tenta reduzir uso de perfis para envio de spam por meio da rede social, diz Facebook
Divulgação
Bloqueio tenta reduzir uso de perfis para envio de spam por meio da rede social, diz Facebook

Contudo, a central de ajuda do Facebook não esclarece os casos em que o perfil do usuário é bloqueado porque recebeu grande quantidade de solicitações de amizade em um curto período de tempo. Procurado pelo iG , o Facebook não esclareceu se a política de bloqueio de perfis vale em ambos os casos (excesso de envio e recebimento de solicitações). O Facebook mantém uma página que reúne as regras que os usuários da rede social devem respeitar para não serem banidos do site.

Depois que o perfil volta a funcionar normalmente, o usuário deve reduzir o comportamento que levou ao bloqueio, caso contrário a conta pode ser desativada permanentemente. Porém, segundo os internautas consultados pelo iG , a equipe do site não informa o motivo do bloqueio ao usuário, o que impede a mudança do comportamento considerado inadequado.

Bloqueio tenta coibir spam

Em sua central de ajuda, o Facebook explica que o bloqueio temporário de perfil não tem período definido, pode demorar horas ou dias. A rede social não oferece nenhum canal específico para que os usuários que acreditam ter o perfil bloqueado indevidamente possam entrar em contato para solicitar o desbloqueio. Segundo a rede social, o bloqueio temporário não pode ser suspenso, independentemente da justificativa do usuário.

"Nós colocamos limites para prevenir abusos de nossos recursos e para proteger as pessoas de spam e perseguição. Se alguém envia muitas mensagens para pessoas que não são suas amigas, ele pode ser notificado ou temporariamente bloqueado de enviar mensagens", diz a equipe da rede social. "Os limites são baseados em diferentes fatores, como velocidade, tempo e quantidade. Infelizmente não podemos oferecer detalhes adicionais sobre os limites aplicados."

Além do bloqueio de perfis que enviam mensagens ou solicitações de amizade indesejadas, o Facebook criou, no final de 2012, um filtro para mensagens privadas enviadas por meio da rede social. Até então, todas as mensagens enviadas eram mostradas em uma só caixa de entrada, mas a rede social a dividiu em duas: as mensagens de amigos aparecem na área prioritária, enquanto as mensagens enviadas por desconhecidos aparecem na pasta "Outras".

Para Amorim, o consultor de marketing que foi bloqueado no Rio de Janeiro, apesar de trazer inconvenientes, entre eles os problemas para se conectar com novos amigos por meio da rede social, a ação do Facebook ao bloquear os perfis é positiva. "O bloqueio ajuda a rede social a evitar os excessos e impedir que as pessoas façam mal uso de suas funcionalidades", diz Amorim.

Veja fotos da sede do Facebook nos EUA


    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.