Incêndio destruiu o equivalente a R$ 1,3 milhão em equipamentos de digitalização de documentos, mas não afetou disponibilidade de dados

O Internet Archive, entidade que tem o objetivo de manter acessível todo o conteúdo histórico da internet, pede doações para recuperar equipamentos de digitalização e materiais de pesquisa após um incêndio de grandes proporções em sua sede, na cidade de San Francisco (EUA). De acordo com a entidade, o incêndio causou a perda de aproximadamente US$ 600 mil (cerca de R$ 1,3 milhão) em equipamentos.

Incêndio no Internet Archive, nesta semana, prejudicou trabalho de digitalização de documentos
Divulgação
Incêndio no Internet Archive, nesta semana, prejudicou trabalho de digitalização de documentos

Além das doações, que podem ser feitas por meio do site oficial , a entidade pede ajuda para empresas que possuem equipamentos de digitalização na região, para que o trabalho de preservação histórica não seja interrompido. "A boa notícia é que ninguém ficou ferido e nenhum dado foi perdido", diz Brewster Kahle, fundador do Internet Archive, ao jornal The Guardian . "Nosso prédio principal teve danos elétricos, o que deixou alguns servidores fora do ar por um tempo."

Fundado em 1996 em San Francisco, o Internet Archive oferece um site que permite que os internautas naveguem pelas versões antigas de páginas que ainda estão na web e sites históricos, que não estão mais no ar. Além desse projeto, no entanto, a entidade arquiva texto, áudio, imagens e softwares de colecionadores de todo o mundo. O acervo pretende manter uma cópia digital desses materiais para consulta histórica.

Em entrevista ao The Guardian, Kahle afirmou que incêndio reafirma um dos principais motivos pelos quais o Internet Archive foi criado. "Digitalizar e ter cópias são boas estratégias para preservar o acesso. Nós temos os dados do Internet Archive armazenados em diversos locais. Mesmo que nosso prédio principal tivesse sido envolvido no incêndio, nós não teríamos perdido o conteúdo maravilhoso que levamos tanto tempo para coletar", disse o fundador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.