Mudança amplia a lista de contatos disponíveis a usuários do Gmail, incluindo tanto o endereço de email de seus contatos existentes como também o nome das pessoas na rede social Google+

Reuters

Google agora permite que usuários do Google+ recebam em seus Gmail mensagens de outros usuários da rede social
Divulgação
Google agora permite que usuários do Google+ recebam em seus Gmail mensagens de outros usuários da rede social

Um novo recurso do Gmail do Google terá como resultado alguns usuários recebendo mensagens de pessoas com as quais eles não compartilharam seus endereços de email, gerando preocupações entre alguns defensores de privacidade.

A mudança, que o Google anunciou na quinta-feira (9), amplia a lista de contatos disponíveis a usuários do Gmail, incluindo tanto o endereço de email de seus contatos existentes como também o nome das pessoas na rede social Google+. Como resultado, uma pessoa pode enviar diretamente um email a amigos, e estranhos, que usam o Google+.

O Google está tentando cada vez mais integrar o Google+, sua rede social que já existe há dois anos e meio e que tem 540 milhões de usuários ativos, com seus outros serviços. Ao se registrarem para o Gmail, os consumidores agora recebem automaticamente uma conta no Google+.

O Google disse que o novo recurso tornará a comunicação com amigos mais fácil para pessoas que usam ambos os serviços.

O Google afirmou também que usuários que não desejam receber mensagens de email de outras pessoas no Google+ podem alterar as configurações para receber mensagens apenas de pessoas que elas adicionaram às suas redes de amigos ou de ninguém.

Alguns defensores de privacidade disseram que o Google deveria ter feito o novo recurso ser "opcional para entrar", ou seja, que os usuários deveriam concordar explicitamente com o recebimento de mensagens de outros usuários do Google+, ao invés de se exigir que os usuários mudem manualmente a configuração.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.