Jason Chen disse durante sua primeira coletiva de imprensa que o maior erro da companhia de Taiwan foi investir muito cedo em painéis sensíveis ao toque e ultrabooks e não perceber o impacto que produtos como iPads da Apple poderiam ter na indústria de PCs

Reuters

Lançamento do iPad, pela Apple, impactou várias indústrias, inclusive a de PCs
André Cardozo/iG
Lançamento do iPad, pela Apple, impactou várias indústrias, inclusive a de PCs

Investidores em busca de projeções específicas sobre a Acer, quarta maior fabricante de PCs do mundo, ficaram desapontados com o novo presidente-executivo da empresa levando mais tempo falando sobre erros passados da empresa do que sobre o futuro.

Jason Chen, o mais novo presidente-executivo da companhia, disse durante sua primeira coletiva de imprensa nesta segunda-feira que o maior erro da companhia de Taiwan foi investir muito cedo em painéis sensíveis ao toque e ultrabooks e não perceber o impacto que produtos como iPads da Apple poderiam ter na indústria de PCs.

"Queríamos estimular a demanda usando nova tecnologia e tomamos a iniciativa de forma mais agressiva que qualquer outra empresa, até o ponto que nos prejudicamos", disse Chen. "Esperamos não repetir o mesmo erro."

Chen é o mais novo executivo de uma série de mudanças na direção da empresa em dificuldades. Em 2011, o italiano Gianfranco Lanci deixou o cargo de CEO. Em novembro passado, o presidente-executivo J.T. Wang também deixou o cargo e foi substituído pelo então presidente corporativo Jim Wong. Wong, no entanto, deixou o cargo algumas semanas depois.

A Acer tem enfrentado dificuldades com perdas em diversos trimestres, incluindo um déficit de 437,38 milhões de dólares no terceiro trimestre de 2013.

Por Michael Gold

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.