Secretário norte-americano de Transportes comparou a comunicação entre veículos aos air-bags e aos cintos de segurança

Reuters

Órgão reguladores dos Estados Unidos podem exigir que carros e caminhões tenham a capacidade de se comunicar uns com os outros
Getty Images
Órgão reguladores dos Estados Unidos podem exigir que carros e caminhões tenham a capacidade de se comunicar uns com os outros

Órgão reguladores dos Estados Unidos podem exigir que carros e caminhões tenham a capacidade de se comunicar uns com os outros de forma a evitar acidentes trânsito e congestionamentos, disse nesta segunda-feira (3) o Departamento de Transporte dos EUA.

LEIA TAMBÉM: Ford lança seu programa de criação de aplicativos para carros no Brasil

Tornar como obrigatória uma tecnologia outrora pensada como ficção científica vai "abrir caminho para aplicativos de segurança entre veículos", disse o Departamento em comunicado.

"A tecnologia de comunicação entre veículos representa a próxima geração de melhora da segurança, salvando vidas como os air-bags e os cintos de segurança", disse o secretário de Transportes norte-americano, Anthony Foxx.

Em breve, a administração de trânsito do Departamento iniciará os primeiros passos para a comunicação de veículo a veículo, mas não informou em quanto tempo vai demorar para a exigência da capacidade.

Reportagem de Elimina Nawaguna.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.