Empresa diz estar ciente de que a falha foi de fato explorada por hackers, mas não informa dados de quantos usuário possam ter sido afetados

O Flash Player instalado nos navegadores Chrome, Internet Explorer 10 e 11 receberão uma atualização automática da Adobe
Reprodução
O Flash Player instalado nos navegadores Chrome, Internet Explorer 10 e 11 receberão uma atualização automática da Adobe

A Adobe divulgou nesta terça-feira (4) um boletim de segurança com atualizações do Adobe Flash Player 12.0.0.43 e versões anteriores para Windows e Macintosh, e do Adobe Flash Player 11.2.202.335 e versões anteriores para Linux.

LEIA TAMBÉM: Hackers podem ter acessado 1 milhão de cartões de crédito de loja dos EUA

Segundo a empresa, essas atualizações resolvem uma vulnerabilidade bastante crítica que permitia que um invasor assumisse remotamente o controle do computador afetado.

A Adobe também diz estar ciente de que a falha foi de fato explorada por hackers, mas não informa dados de quantos usuário possam ter sido afetados. A empresa recomenda que todos atualizem seus softwares para a versão mais recente.

Os usuários do Adobe Flash Player 12.0.0.43 e versões anteriores para Windows e Macintosh devem atualizar para o Adobe Flash Player 12.0.0.44. Os usuários do Adobe Flash Player 11.2.202.335 e versões anteriores para Linux devem atualizar para o Adobe Flash Player 11.2.202.336.

O Flash Player instalado nos navegadores Chrome, Internet Explorer 10 e 11 receberão uma atualização automática da Adobe para a versão 12.0.0.44. 

Para verificar a versão do Adobe Flash Player instalado em seu sistema, acesse a página Sobre o Flash Player ou clique com o botão direito sobre o conteúdo executado no Flash Player e selecione Sobre o Adobe (ou Macromedia) Flash Player no menu. 

Para informações detalhadas, acesse, em inglês o boletim de segurança da Adobe .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.