Cerca de 900 pessoas foram afetadas pela falha da agência de recolhimento de impostos do país

Reuters

OTTAWA, Canadá, 14 Abr (Reuters) - A agência de recolhimento de impostos do Canadá divulgou nesta segunda-feira que dados privados de cerca de 900 pessoas foram roubados de seus sistemas como resultado de vulnerabilidades causadas pela falha "Heartbleed" .

A falha permitiu o roubo de dados de seguro social e possivelmente outros dados, informou a Agência de Receita do Canadá (CRA).

"Lamentavelmente, a CRA foi notificada por agências de segurança do Canadá sobre uma invasão aos dados dos contribuintes ocorrida durante um período de seis horas", disse a CRA em comunicado.

A CRA fechou o acesso a seus serviços online na última quarta-feira por causa da falha, presente em uma tecnologia de codificação largamente utilizada na Web e que representa um dos mais sérios problemas de segurança eletrônica descobertos nos últimos anos.

(Por Louise Egan)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.