Empresa quer ganhar mercado na faixa de produtos abaixo de R$ 899

A HP apresentou nesta quarta-feira (23) uma nova linha de produtos que chegarão ao mercado nos próximos meses. O destaque fica para os tablets HP7 e HP8, as novas apostas da HP no crescente mercado de tablets.

VEJA TAMBÉM:
Testes do Tegra Note 7 , Positivo Mini e outros tablets

O HP7 é o modelo mais básico. O aparelho tem tela de 7 polegadas com resolução de 1.024 x 600, processador de quatro núcleos, 1 GB de RAM e 8 GB de armazenamento. O aparelho tem ainda entrada para cartão de memória de até 32 GB e 25 GB de espaço grátis no Dropbox, além de câmeras traseira e frontal. O tablet chega às lojas em junho deste ano com preço sugerido de R$ 599.

Veja fotos dos produtos apresentados pela HP

O HP8 tem tela de 8 polegadas na proporção 4:3 com resolução de 1.024 x 768, 1 GB de RAM, processador quad core e 16 GB de armazenamento interno. Como o HP7. o HP8 tem entrada para cartão de memória de até 32 GB, 25 GB de espaço grátis no Dropbox e câmeras frontal e traseira. O aparelho começa a ser vendido em maio com preço sugerido de R$ 799.

Ambos os tablets são fabricados no Brasil e rodam o sistema Android 4.2, com atualização para 4.4 (KitKat) prometida para os próximos meses. Segundo dados apresentados pela HP, o Android está em 94% dos tablets vendidos no Brasil. Os outros 6% são do iOS, usado em iPads.

Mercado em alta

A aposta em aparelhos com telas até 8 polegadas não é casual. Segundo a HP, essa faixa de mercado é a que mais cresce. Uma pesquisa mostrada pela empresa no evento aponta que 67% dos tablets vendidos em todo o mundo têm telas de 7 polegadas. Quando são somados aparelhos com telas até 8 polegadas, esse valor chega a 80%.

Outros dados apresentados pela HP mostram que o mercado de tablets no Brasil tenha crescimento de 28% em 2014, na comparação com o ano passado. Em 2013, foram vendidos no Brasil 8,3 milhões de tablets. 

Segundo Fabio Ranieri, gerente de mobilidade de HP, o objetivo da empresa é ter maior participação no mercado de tablets abaixo de R$ 899. "Dois terços dos tablets nessa faixa de preço são 'genéricos', ou seja, de fabricantes desconhecidos. Isso abre uma grande oportunidade para empresas já estabelecidas", afirmou Ranieri durante a apresentação de produtos.

A HP também pretende aproveitar outra tendência, que é a de troca de tablets. Segundo Ranieri, o ciclo de troca de tablets é mais rápido do que o do notebook e muitos consumidores acabam não ficando satisfeitos com sua primeira opção de tablet. Isso gera uma oportunidade para a venda de um produto de maior qualidade. 

Preço baixo com qualidade

Outro ponto enfatizado pela HP foi a intenção da empresa de fornecer produtos com preço acessível, mas com boa qualidade. Na prática, isso se traduz em uma configuração com processador quad core e 1 GB de RAM, suficiente para rodar bem o Android, além de uma tela com boa visibilidade e resposta eficiente ao toque.

A empresa também aposta em um design diferenciado, com acabamento em alumínio, um diferencial em um mercado em que a maioria dos produtos tem acabamento em plástico. 

Outros produtos

Além dos tablets, a HP mostrou outros dois produtos que chegam ao mercado nos próximos meses. O Pavilion x360 é um notebook com Windows 8.1 e tela sensível ao toque que gira 360 graus. Assim, o notebook pode ser usado também como tablet. O produto tem como público-alvo os jovens. Por isso, vem na cor vermelha e traz alto-falantes com tecnologia Beats Audio. O Pavilion x360 chega às lojas em maio deste ano com preço de R$ 1.599 para a configuração mais básica, com processador Celeron de dois núcleos.

O quarto produto mostrado pela HP no evento foi o ElitePad 1000 G2. Voltado para empresas, o produto é um híbrido de tablet e notebook. Tem tela de 10,1 polegadas com resolução de 1.900 x 1.200 e sistema Windows 8.1 ou 8.1 Pro, dependendo da configuração. O produto chega em maio deste ano em várias configurações com preços a partir de R$ 3.499.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.