Mensagens de e-mail induzem usuários a clicar em link malicioso

Vírus DarkKomet é espalhado em e-mails sobre o ebola
Reprodução
Vírus DarkKomet é espalhado em e-mails sobre o ebola

Aproveitando o recente noticiário sobre ebola, hackers estão usando o vírus em falsos e-mails para espalhar programas maliciosos.

Pesquisadores da Websense alertam que, desde o dia 10 deste mês, detectaram milhares de e-mails que usam o ebola como pretexto para infectar máquinas de usuários com vírus.

O método usado pelos hackers é o conhecido clickbait, no qual a vítima é induzida a clicar em um link e abrir um arquivo executável. Segundo os pesquisadores, os emails vêm disfarçados de dicas para evitar o ebola.

O vírus é conhecido como DarkKomet e, segundo a Websense, está sendo espalhado a partir de servidores na Romênia. Depois de instalado, o vírus permite que os hackers controlem por completo a máquina infectada e roubem informações da vítima. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.