Aparelho tem tela de 105 polegadas e resolução Ultra HD

No fim de outubro, a Samsung lançou no Brasil a 105S9W , o modelo de TV mais caro atualmente à venda. O aparelho tem uma gigantesca tela de 105 polegadas curva no formato 21:9, a mesma proporção usada no cinema. Totalmente fabricada na Coreia do Sul neste primeiro momento (a versão testada pelo iG era um protótipo e por isso continha um aviso de produzido na Zona Franca de Manaus), a TV começa a ser vendida em dezembro por R$ 499 mil, mas apenas por encomenda.

LEIA TAMBÉM: Menor que vírus, ponto quântico é a evolução da tecnologia LCD

O iG visitou a sede da Samsung no Brasil e pôde ver mais de perto os recursos desta TV. Na galeria abaixo você confere os detalhes do aparelho.

Veja alguns dos destaques do aparelho milionário:

Tela:  a resolução Ultra HD, ou seja, 4K, é um chamariz do aparelho, cuja tela é de LCD. Com resolução de 5120 X 2160 e 11 milhões de pixels, o produto exibe imagens em tela cheia, ampliando o campo de visão como nas telas de cinema. A TV respeita o formato do conteúdo que exibe, mas, se o usuário desejar, pode mudar de formato. São cinco opções: 21:9, 16:9, zoom, legendas e zoom amplo.

Som: a TV oferece também uma experiência cinematográfica reforçada pela potência dos alto faltantes de 160 watts localizados logo abaixo da tela.

Processador:  a TV tem um processador Quad Core Plus, o que garante rapidez ao sistema inteligente e conectado da TV.

Conectividade: Wi-Fi e Wi-Fi Direct, que permite ao usuário espelhar o conteúdo dos smartphones e tablets na TV e vice-versa. Ou seja, além do Screen Mirroring, existe o Smart View 2.0, recurso que transforma dispositivos móveis, desde que compatíveis, é claro, em uma segunda tela. 

Atualização:  a TV de 105 polegadas da Samsung também traz o One Connect, que assim como o Evolution Kit de outros modelos, permite que o cliente atualize sua televisão, em termos de hardware e software, sem precisar trocar de tela. A 105S9W já vem com um One Connect, acessório que armazena o sistema inteligente da televisão e também alguns componentes de hardware como as portas HDMI e USB, na caixa. No futuro, porém, com a chegada de novas versões do software, por exemplo, o usuário poderá comprar o One Connect para atualizar sua TV de 105 polegadas ao invés de ter que se preocupar em comprar um equipamento totalmente novo.

Com os sistemas operacionais das Smart TVs mudando cada vez mais rápido, o One Connect torna-se uma solução ainda mais interessante para o consumidor que deseja investir em uma TV do porte da 105S9W.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.