França tem muitas empresas na feira em Las Vegas

A Parrot, empresa francesa presente na CES 2015, prestou sua homenagem às vítimas do atentado a redação do Charlie Hedbo, em Paris, na França
Getty Images
A Parrot, empresa francesa presente na CES 2015, prestou sua homenagem às vítimas do atentado a redação do Charlie Hedbo, em Paris, na França

Mesmo do outro lado do Oceano Atlântico e no meio da maior feira de tecnologia do mundo, os franceses acharam meios de homenagear as vítimas do atentado a redação do periódico Charlie Hebdo na quarta-feira (7), em Paris.

LEIA:  CES 2015: a cobertura completa

A França é uma das grandes potências da CES e por todo o lugar que se anda lá estão eles. Na quinta-feira (8), além de explicações sobre os produtos que estão expondo, muitos deles receberam condolências do público, uma vez que carregavam junto ao crachá uma placa com os dizeres "Je suis Charlie", Eu sou Charlie, na tradução livre.

A frase que já se espalhou pelo mundo como uma forma de se manifestar contra a tragédia chegou inclusive aos estandes. A Parrot, uma das maiores do setor de tecnologia da França, responsável por vários drones e objetos conectados que chamam a atenção nesta edição, foi uma das companhias que fez questão de prestar sua solidariedade. Placas com "Je suis Charlie" foram espalhadas pelo estande e uma grande placa com os nomes das vítimas foi incorporada ao espaço da Parrot na feira.

Johann Gobba, diretor técnico da Emiota, uma empresa de dispositivos móveis, também usava uma placa com a homenagem aos cartunistas. Françês e habitante de Paris, ele ficou visivelmente abalado ao comentar o episódio, especialmente porque reside perto da redação da revista. "Foi uma verdadeira tragédia", comentou.

*A jornalista viajou a Las Vegas a convite da Qualcomm.

De origem francesa, a Parrot fez questão de prestar sua homenagem aos cartunistas mortos no atentado na Charlie Hebdo
Getty Images
De origem francesa, a Parrot fez questão de prestar sua homenagem aos cartunistas mortos no atentado na Charlie Hebdo


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.