Site indica que integração entre dois serviços pode estar próxima

(ANSA) - A rede social Facebook e o aplicativo de conversas WhatsApp, ambos controlados pelo norte-americano Mark Zuckerberg, poderão se unificar em breve.
A hipótese surgiu há alguns dias com a descoberta do site "alpha.whatsapp.com", no qual o internauta encontra uma página que pede sua autorização para acessar o app a partir de sua conta do Facebook.

LEIA TAMBÉM:
Veja dicas para usar melhor o WhatsApp

Ainda não é possível fazer uso do serviço e nem saber como ele funcionaria e se o WhatsApp se juntaria ao Messenger - o aplicativo de mensagens do Facebook. No entanto, se a união for anunciada oficialmente pelas duas empresas, o que pode acontecer logo, os usuários do app poderão acessar suas conversas apenas com uma conta na rede social, sem a necessidade de um número de celular.

Há um ano, o WhatsApp foi comprado por Zuckerberg por US$ 19 bilhões. Estima-se que todos os dias passem pela plataforma mais de 30 bilhões de mensagens. (ANSA)


    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.