Fabricante diz que apenas áudio de comandos de voz é processado pelas TVs

Em comunicado enviado ao Guardian , a Samsung minimizou a polêmica sobre a captação de áudio de conversas de usuários por suas TVs inteligentes. A polêmica começou quando, nesta semana, uma matéria do Daily Beast  chamou atenção para os termos de uso das smart TVs da Samsung .

TVs da Samsung são motivo de polêmica de privacidade
Emily Canto Nunes/iG
TVs da Samsung são motivo de polêmica de privacidade

O termo de uso inclui as frases "Por favor esteja ciente de que, se suas palavras faladas incluírem dados pessoais, essa informação estará entre os dados capturados e transmitidos para uma empresa terceirizada caso você use o recurso de reconhecimento de voz".

Logo após a publicação da matéria, muitos usuários se declaram assustados com a "vigilância" das TVs. 

No comunicado ao Guardian, a Samsung afirma que as TVs apenas capturam as vozes dos usuários quando eles usam o recurso de comandos de voz para controlar a TV ou para realizar buscas. A empresa diz ainda que o recurso pode ser desativado e que suas TVs mostram claramente quando estão gravando o áudio do ambiente, por meio de um ícone de microfone.

FOTOS: a TV de R$ 500 mil da Samsung



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.