Somente quem possuir versões licenciadas do Windows 7 ou Windows 8.1 receberá atualização gratuita para o Windows 10

Desenvolvedores podem criar um único aplicativo que pode ser dimensionado em todos os dispositivos Windows 10, adaptando-se automaticamente aos tamanhos de tela
Divulgação
Desenvolvedores podem criar um único aplicativo que pode ser dimensionado em todos os dispositivos Windows 10, adaptando-se automaticamente aos tamanhos de tela

Com o lançamento do Windows 10 se aproximando, a Microsoft está não apenas soltando mais informações sobre a nova geração do seu sistema operacional, mas também esclarecendo algumas dúvidas. Uma delas, respondida por Terry Myerson no blog oficial do Windows , interessa e muito ao usuário que possui uma cópia ilegal de alguma versão anterior do sistema.

LEIA TAMBÉM:  Windows 10 terá sete edições; veja detalhes

Vice-presidente de software da Microsoft, Myerson escreveu que não, o Windows 10 não será gratuito para quem possui um cópia pirata de versões anteriores da plataforma. O executivo disse que a Microsoft está trabalhando com vários parcerios para oferecer uma licença do sistema operacional por um preço que seja realmente atrativo, a fim de transformar em autêntico o maior número de cópias possível.

Myerson disse ainda que quando não for possível verificar a procedência da cópia o Windows do usuário ganhará uma marca d'água para avisar de que sua cópia não é legítima e que por isso ele está mais vulnerável a malware, isto é, vírus, de ser vítima de fraude ou do usuário ter suas informações públicas expostas, ou ainda um mau desempenho de suas funcionalidades.

Para aqueles usuários que possuem cópias licenciadas de versões anteriores do Windows, Windows 7 e Windows 8.1, a atualização para a versão 10 será gratuita, bem como para suas atualizações de segurança.

IMAGENS: Veja o que esperar do Windows 10, da Microsoft:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.