Mesmo de fora da feira, a Asus mostrou algumas novidades

Maior feira de eletrônicos do mundo, a CES é um mar de produtos que invade Las Vegas, nos Estados Unidos, todo início de ano, mas nem todos são necessariamente novidades. Neste ano, por exemplo, a Asus, que em 2015 fez até coletiva de imprensa nos dias que antecedem o começo da feira, limitou-se a mostrar seu portfólio na sua já tradicional suíte no hotel Trump e alguns lançamentos pontuais. De origem taiwanesa, a empresa guarda seus esforços para a Computex, feira que acontece em maio na Ásia.

Destaque da CES do ano passado, o Zenfone Zoom em sua versão final é uma das novidades da empresa deste ano. Em desenvolvimento há bastante tempo, o modelo com câmera com zoom óptico, visto de perto pelo iG na IFA 2015 , ganhou uma traseira de couro italiano para melhorar a pegada e deve chegar aos Estados Unidos em breve. No Brasil sua presença também é confirmada, mas ainda sem previsão de preço ou data. Já o Zenfone Laser, uma das versões do carro-chefe da empresa, também esteve presente com duas novas variações: uma com tela de 5 polegadas e outro com tela de 6 polegadas. A operação da Asus no Brasil estuda levar as duas versões para o País.

Porém, o que chamou a atenção mesmo foi o ZenBeam EZ1, um projetor para smartphones ou tablets que cabe na palma da mão e que pode ser a solução para quem gosta de ver Netflix, jogar ou mesmo fazer uma apresentação no trabalho usando apenas o celular e com muito mais mobilidade. E, além de funcionar como projetor LED, o ZenBeam, que possui uma bateria recarregável de 6.000 mAh, faz às vezes de bateria portátil, podendo carregar o aparelho do usuário via cabo USB.

O projetor E1Z é compatível com sistemas Android e Windows e é bastante simples de operar. Basta conectá-lo ao smartphone que logo a tela aparece projetada, inclusive obedecendo a direção do aparelho, isto é, se você estiver segurando o celular na vertical, a projeção será vertical, se na horizontal, a projeção aparecerá na horizontal.

A lâmpada LED de 150 lumens projeta imagens WVGA de até 854 x 480 de resolução e com tamanhos que podem variar de 22 polegadas até 80 polegadas, dependendo da distância da parede em que as imagens serão projetadas. Se usada apenas para projeções, a bateria do ZenBeam dura cerca de três horas. Além do modelo USB EZ1, a Asus lançou o ZenBeam E1, que vem com uma porta HDMI/MHL e, logo, é compatível com uma gama maior de produtos.

Por enquanto, não há previsão de quando o produto chegaria nos mercados e nem por quanto, mas certamente é um gadget que pode ir além do uso profissional e ser um companheiro do smartphone. Inclusive para o brasileiro tão ligado ao celular que é. 

*A jornalista viajou a convite da Samsung.