Empresa pediu que consumidores suspendam o uso de notebooks ThinkPad comprados no intervalo informado

Lenovo detectou risco de superaquecimento em baterias com possível explosão
Divulgação
Lenovo detectou risco de superaquecimento em baterias com possível explosão

A Lenovo anunciou, recentemente, um recall para substituir a bateria de notebooks Thinkpad comercializados entre fevereiro de 2010 e dezembro de 2012 e das baterias fabricadas no mesmo período que possuam determinados números impressos em uma etiqueta abaixo do código de barras.

De acordo com a empresa , foi detectado o risco de superaquecimento das baterias com possível explosão. A Lenovo pediu que os consumidores suspendam o uso desligando os notebooks e retirem a bateria. Se desejarem, é possível continuar usando o aparelho sem bateria, mantendo o carregador conectado à tomada.

Os proprietários dos notebooks dentro das especificações podem agendar uma substituição por meio do telefone 0800 701 4815, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. O número também servirá para os usuários confirmarem se fazem parte do recall. A troca da bateria será feita sem nenhum custo.

Os modelos de notebooks X201, X220, X220T, X121E, T410, T420, T510, W510, W520 e L420/421 farão parte do recall. Além disso, as baterias com os códigos 42T4695, 42T4816, 42T4862, 42T4880, 42T4798, 42T4834, 42T4868, 42T4958, iniciando no quarto dígito, também precisam ser substituídas.