Morre aos 74 anos Raymond Tomlinson, o inventor do e-mail

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Engenheiro escolheu o símbolo da arroba "@" para separar o remetente do provedor de e-mails, algo que se tornou padrão

Ray Tomlinson, criador do e-mail e do @ como padrão, morreu aos 74 anos
Por Andreu Veà, WiWiW.org
Ray Tomlinson, criador do e-mail e do @ como padrão, morreu aos 74 anos

Ray Tomlinson, 74 anos, programador norte-americano que implementou o sistema de correio eletrônico, o famoso e-mail, na ARPANET, em 1971, morreu nesse sábado (5), supostamente vítima de uma ataque cardíaco. A informação foi inicialmente compartilhada por Vint Cerf, um dos fundadores da internet, pelo Twitter.

Quando criou o e-mail, Ray era funcionário da Bolt Beranek and Newman (BBN), empresa contratada pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos da América em 1968 para implantar a ARPANET, rede operacional de computadores precursora da internet como a conhecemos. 

Em 1971, Tomlinson começou a enviar mensagens para si mesmo e para seus colegas como brincadeira. Ele somou as funcionalidades dos aplicativos SNDMSG (uma contração da expressão em inglês "send message", ou seja, "enviar mensagem") e o Readmail, para leitura de correio. Porém, esse sistema permitia apenas o compartilhamento de textos. Na época, o engenheiro também trabalhava em um protocolo chamado CPYNET, para transferência de arquivos entre computadores conectados em rede. Ao juntar os dois, ele conseguiu enviar uma mensagem para seus colaboradores, anunciando sua criação.

O conceito de correio eletrônico já existia, mas esse foi o primeiro sistema capaz de enviar mensagens entre diferentes pontos conectados à ARPANET. Tomlinson também inovou quando escolheu o símbolo da arroba @ para distinguir as mensagens destinadas às caixas de correio na máquina local das que se dirigiam à rede, por ser o símbolo que significa "at", ou seja, estar em algum lugar. Desde então, esse se tornou o padrão para determinar o detinatário ou remetente e seu local, ou seja, seu provedor de e-mail. O primeiro endereço de e-mail criado foi o tomlinson@bbn-tenexa.

Em março de 1972, Ray Tomlinson escreveu o software básico de e-mail com as funções de enviar e ler. Dois anos mais tarde, um estudo indicava que 75% de todo o tráfego de dados na ARPANET usava esse novo sistema. Tomlinson continuou por anos na BBN, trabalhando com tudo, desde protocolos de redes à construção de supercomputadores. 

O site do Internet Hall Of Fame ressalta que o "programa de e-mail de Tomlinson trouxe uma revolução completa, mudando fundamentalmente a maneira como as pessoas se comunicam, incluindo a forma como as empresas, desde grandes corporações até pequenas lojas familiares, operaram e a maneira como milhões de pessoas compram, consultam o banco, e mantêm contato com os amigos e a família, atravessando a cidade ou oceanos".

De acordo com sua biografia, nos últimos anos, Tomlinson recebeu uma dezena de prêmios e reconhecimentos. Em 2000, Tomlinson recebeu o Prêmio George R. Stibitz Computer Pioneer do Museu American Computer. Em 2001, ele foi homenageado com um prêmio Webby da Academia Internacional de Artes Digitais e Ciências e foi introduzido no Hall Rensselaer Alumni of Fame. Em 2002, a Discover Magazine concedeu-lhe o Prêmio de Inovação. Em 2004, ele ganhou o Institute of Electrical and Electronics Engineers Award Internet. Ele foi nomeado Príncipe das Astúrias Laureate de Pesquisa Técnica e Científica em 2009. Em 2011, ele foi homenageado com o Prêmio Cultural Eduard Rhein Kulturpreis. Além disso, ele ocupava com o e-mail o número quatro na lista do Massachusetts Institute of Technology das 150 maiores inovações.

Leia tudo sobre: e-mailarpanetray tomlinson

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas