Aplicativo permite que consumidor peça o medicamento que precisa, pesquise o preço e escolha o local em que vai fazer o seu pedido; vejo

Brasil Econômico

A tecnologia veio para facilitar a vida, porém existem aqueles que digam que a população se tornou preguiçosa por conta desses recursos. Controvérsias a parte, nada mais fácil do que pedir um produto, uma comida e até agendar um serviço por meio de aplicativos, certo?

LEIA MAIS: Veja os 10 aplicativos mais baixados em janeiro

Aplicativos como o Farmaup ajudam o consumidor na hora da compra
Divulgação
Aplicativos como o Farmaup ajudam o consumidor na hora da compra


Foi pensando nessa comodidade e após ter saído de casa doente para buscar um remédio que o empresário Thiago Mello, de São Gonçalo (RJ) idealizou o app Farmaup. Com ele o consumidor pode comprar medicamentos, os que não necessitam que a receita médica fique retida na drogaria, em locais próximos a residência do usuário. Esses e outros aplicativos têm mudado a forma de consumo no País. 

“Estava muito doente em casa e meu carro estava em manutenção. Liguei para a única farmácia próxima da minha casa que lembrava e tinha o telefone, mas ninguém atendeu. Tive que sair de bicicleta com muito frio para comprar um remédio. A partir deste momento, comecei a pensar em uma forma mais fácil e acessível para fazer este tipo de compra”, afirmou Mello.

LEIA MAIS: Comunidades inspiradas no Orkut fazem usuários passarem mais tempo na Hello

Comodidade

A plataforma está disponível para os sistemas operacionais Android, iOS e pela Web, e lista os medicamentos disponíveis para a comprar e seus preços, assim o consumidor pode pesquisar preço e comprar o produto na farmácia mais próxima de sua residência ou local de sua preferência. O empresário explicou que em poucos é possível realizar a compra, receber em casa e ainda avaliar como foi a experiência de compra.  “Com esse sitema qualquer um vai poder fazer pedidos para farmácias e drogarias diretamente do celular ou computador, sem precisar gastar com ligações, gasolina para deslocamento ou enfrentar filas. Tudo isso com a comodidade de receber em casa, no trabalho, ou onde a pessoa estiver”, acrescentou Thiago que disse que a rede de credenciamento já atingiu Niterói e São Gonçalo.

Bom para o consumidor, melhor para o empresário. Segundo o diretor de tecnologia da Farmaup, Tadeu Rangel, esse e outros aplicativos ajudam os donos de farmácias e drogarias a divulgar sua operação a toda população. "O que oferecemos para os empresários, é a possibilidade de aumentar as vendas expandindo seu número de clientes, sem gastar com a construção, manutenção e logística que requer uma plataforma de vendas online", ressaltou Rangel.

LEIA MAIS: Aplicativo ajuda evitar trânsito na porta das escolas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.