Funcionalidade segue lógica usada atualmente pelos usuários para publicar tuítes com o mesmo tema; recurso não tem previsão de lançamento oficial

Brasil Econômico

O Twitter poderá lançar em breve uma nova função para diminuir o trabalho de usuários que costumam publicar sequências de tuítes. O recurso em desenvolvimento pela rede social permite publicar várias mensagens encadeadas de forma simultânea, simplificando o processo atual que exige a publicação de um tuíte por vez. A opção é uma das formas encontradas para ultrapassar o limite de 140 caracteres.

Leia também: Hashtag completa dez anos e Twitter divulga as mais populares entre os usuários

Conhecida como " Tweetstorm " (ou "tempestade de tuítes", em tradução livre), a nova função segue a lógica usada atualmente pelos usuários do Twitter  e publica o início da mensagem como tuíte principal e o restante como respostas ao primeiro tópico. Ao publicar várias mensagens com o mesmo tema, os usuários conseguem participar de discussões mais complexas que precisem de um maior aprofundamento.

Recurso em desenvolvimento no Twitter foi exibido no Android e não tem previsão de lançamento oficial
Shutterstock
Recurso em desenvolvimento no Twitter foi exibido no Android e não tem previsão de lançamento oficial

Leia também: "Trump me bloqueou": site reune desafetos do presidente dos EUA no Twitter

O teste foi realizado e publicado pelo diretor de mídias sociais do site "The Next Web", Matt Navarra. Nas imagens compartilhadas por ele na plataforma, é possível ver como o aplicativo pretende organizar de forma automática a publicação original e suas respostas. Além disso, a rede social também exibe uma notificação com o progresso do envio de mensagens. O recurso foi exibido no Android, mas ainda não tem previsão de lançamento oficial.

Como lembra "The Next Web", a limitação de 140 caracteres pode ser vista como algo negativo por usuários familiarizados com a falta de um limite em outras redes sociais. Em algumas situações, a restrição faz muitos não se acostumarem e optarem por deixar a plataforma rapidamente depois de criarem uma conta. A mudança pode ajudar a rede social a aumentar sua participação no mercado, hoje ameaçada por plataformas como o Snapchat .

Leia também: Com preço ainda mais alto, novo iPhone será lançado nesta terça pela Apple

Nos últimos meses, o Twitter vem registrando resultados abaixo do esperado. Em balanço divulgado no fim do segundo trimestre de 2017, a rede social manteve sua base de usuários estagnada em 328 milhões. No período, houve uma perda de US$ 116 milhões (cerca R$ 360 milhões), isto é, US$ 9 milhões (R$ 27 milhões) a mais que o apresentado no trimestre anterior.

Confira como deverá funcionar o novo recurso do Twitter:


* Com informações da Ansa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.