Empresa afirma que lançará chips que permitirão a chegada de ultrabooks com preço bem abaixo de US$ 1 mil

A fabricante de chips AMD anunciou que se prepara para concorrer com a Intel no mercado de chips para ultrabooks, notebooks finos, leves e com alto poder de processamento, mas preço abaixo de US$ 1 mil. Apesar de a categoria ter sido proposta pela Intel (embora o MacBook Air já oferecesse a maioria dos recursos), um executivo da AMD aformou ao site Cnet que os primeiros chips para estes computadores serão lançados até a metade de 2012.

De acordo com Deron Kershaw, analista da consultoria Gap Intelligence, outras fabricantes de chips, além da Intel, devem investir neste mercado e apresentarão chips para ultrabooks com preços mais baixos, o que poderá atrair a atenção dos fabricantes que desejam vender produtos com preço mais baixo do que US$ 1 mil. "Nossa solução permitirá ultrabooks com alto desempenho, ótima experiência para o usuário e preço bem abaixo de US$ 1 mil", disse um porta-voz da AMD ao site.

Segundo Kershaw disse ao site, os ultrabooks com chips da AMD podem, de acordo com estimativas, chegar ao mercado com preço de US$ 500 - o que tornaria os ultrabooks competitivos em relação aos tablets. Estudo recente apresentado pela consultoria Euromonitor durante a Consumer Electronics Show 2012 mostra que os ultrabooks deverão concorrer diretamente com os tablets híbridos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.