Um smartphone completo, barato e que só peca no som

Geek

Por Stella Dauer

Muitas pessoas querem um smartphone, mas não querem pagar mil reais, pois é um item fácil de perder, quebrar, roubar, entre outras desgraças. Tem gente que só quer entrar nas redes sociais e checar emails, não precisa de porta HDMI, tela de alta definição, 32GB de memória e câmera de 8 megapixels e para essas pessoas as empresas desenvolvem aparelhos que não são super smartphones e nem feature phones.

Geek
Tela bem brilhante

Esse é o caso do Samsung Wave 723, um smartphone de R$ 500 que atende as expectativas de novos usuários de smartphones e também dos que procuram discrição e qualidade.

Little smart

Para um smartphone, esse aparelho é bem pequeno. São apenas 114 gramas que cabem com conforto na mão. Ele também é bonito. Sua traseira é de metal escovado cinza, com a marca da Samsung prateada, dando um charme muito elegante no conjunto. Há também a câmera e o flash

A frente é dominada pelo vidro da tela, concorrendo apenas com o detalhe prateado e os três botões físicos. Em cima fica a entrada para o fone e a conexão microUSB, protegida por uma capinha de plástico deslizante.

Para completar, uma capinha simples vem junto na caixa. É apenas uma tampinha para a tela, mas ela se fixa bem, já que é preciso retirar um pedaço do telefone e colocar outro, no qual a capinha vem afixada. Útil para quem não quer um trambolho de capa.

Geek
Vem com capinha que protege a tela

A tela é modesta, mas de boa qualidade. É uma TFT de 3.2 polegadas com resolução de 240 × 400 pixels e 256 mil cores. É bem brilhante e o toque é bom, preciso e suave. O branco da tela é bem azulado.

Bada e a usabilidade

A Samsung declarou recentemente que não vai abandonar o Bada. Apesar de nem de longe chegar perto de famosos como Android e iOS, a Samsung não deixa de cuidar da interface e os desenvolvedores, mesmo que a passo lento, não deixam de desenvolver coisas úteis.

O ideal é procurar aplicativos no próprio site da Samsung, em sua loja virtual Samsung Apps. O Bada é um sistema simples de interagir e configurar, apesar de confundir um pouco com o botão voltar em alguns casos. Essa interface, de nome TouchWiz UI 3.0, é colorida, lúdica, que funciona pela tela de toque e pelos botões físicos, se for o caso. Na verdade, ele lembra os próprios Androids da Samsung. A home possui 4 janelas personalizáveis com aplicativos e widgets diversos.

Ele possui acelerômetro, sensor de movimento que pode ser utilizado em jogos e aplicativos, e também rotaciona a tela automaticamente. Esse mesmo sensor tira o som de um toque de ligação se você virar o telefone com a tela para baixo. O teclado é pequeno, mas confortável. Com unhas grandes ou curtas nós erramos poucas letras.

Desempenho e armazenamento

Como ele só possui memória interna de 100MB, a Samsung é generosa e envia um cartão de 4GB para você colocar músicas, fotos, aplicativos e outros. Esse cartão microSD aliás é bem difícil de tirar, fica abaixo da bateria. Poderia ter sido colocado em um local que desse para trocar o cartão sem ter que desligar o aparelho. Ele tem aguenta cartões de até 16GB.

Por ser mais simples, a bateria é uma agradável surpresa. Em seu funcionamento normal, com o 3G de dados ligado, sua bateria passou de 14 horas. E se você deixar esse pacote desligado e não mexer muito nele, pode deixá-lo mais de dois dias longe da tomada.

O som externo desse Samsung não é alto e não é muito distorcido e nem abafado. Há um pequena caixinha traseira e um aparelho desse tamanho não tem espaço para um bom falante. Nos fones de ouvidos comuns que acompanham a caixa, temos um som melhor, mais alto mas um pouco estourado.

O tocador de música é bem simples, assim como o equalizador disponível. Ele permite compartilhar faixas via mensagem, email ou bluetooth, localizar faixas semelhantes pela internet, identificar músicas desconhecidas e possui até uma lista de pedidos, para escolher quais as próximas faixas.

Uma coisa legal nele é que é possível controlar a música mesmo com a tela travada. Basta tocar no ícone do CD na primeira tela e trocar de faixa ou pausar a música. O telefone trava sozinho e apaga a tela novamente após essas ações.

Boas fotos!

Smartphone barato geralmente é prejudicado na hora da foto. Ainda bem, não é o caso do Wave 723. Ele vem com uma câmera com sensor de 5 megapixels, flash de LED e autofoco, além de botão dedicado para fotos.

Fotos à luz do dia ficam muito boas, com boa cor. O flash é bem potente e é equilibrado, ou seja, serve para alguma coisa e ajuda muito nas fotos noturnas, que ficam bem pouco granuladas. Sem o flash o ruído aumenta, mas ainda ficam boas.

O zoom digital de 4 vezes não é muito bom, melhor não utilizar. Não há outro tipo de zoom. Por outro lado, há uma séria de ajustes disponíveis para melhorar a foto, como modo de disparo ¿ com opções para contínuo, detector de sorrisos e panorama ¿, 14 cenas diferentes, foco, exposição, branco, efeitos, entre outros. O GPS tagueia as imagens com a localização, se for pedido.

Conexões sem fio

Temos aqui todas as conexões sem fio que você pode querer em um smartphone. Wi-Fi com protocolo n, WAP, Bluetooth, GPS, GPRS, EDGE e 3G. E ele é Quad Band, ou seja, funciona em qualquer lugar do Brasil. Ele também vem com rádio FM. O dispositivo Wi-Fi não é muito forme. Mesmo em frente ao roteador ele não marcava força total na conexão.

Geek
Bom acabamento

A caixa é modesta, mas suficiente. Dentro dela encontramos o aparelho, a capinha para a tela, manual, cabo USB, carregador e fone de ouvido comum.

Aplicativos

O Wave 723 já vem com uma série de aplicativos que o deixam totalmente pronto para uso, como os smartphones da Nokia. Encontramos o básico como Calendário, Lista de tarefas, Relógio, Alarme, Conversor de moedas, Conversor de medidas, Calculadora , Cronômetro, Agenda, Contagem Regressiva, Gravador de voz, Visualizador de documentos e Navegador. Um dicionário de Inglês-Português completa o pacote.

Também já vêm instalados aplicativos para as redes sociais como Twitter, Facebook, orkut e o Social Hub, concorrente do famoso Blur da Motorola e que reúne em uma só interface as redes sociais, emails e mensagens. No caso do Wave 723 esse app é simplesmente um atalho para esse lugares. Alguns jogos também estão disponíveis, mas a maioria é demonstração apenas.

E, mesmo sendo um aparelho mais barato, ele possui a função Wi-Fi hotspot, que permite transformar seu aparelho em um roteador sem fio e partilhar sua conexão de internet com até 3 dispositivos como smartphones e notebooks.

Caso o usuário se cadastre no site de Samsung e habilite a função Mobile Tracker, poderá saber a localização de seu aparelho caso o perca ou seja roubado. É possível também bloquear certas área do aparelho, destravadas apenas com a senha do dono.

E para quem é?

Esse é o smartphone para quem não quer gastar muito, não se importa de ter um aparelho mais simples, desde que consiga ficar conectado nas redes sociais e emails o dia inteiro.

Prós:

¿ Bonito e elegante design;

¿ Boa duração de bateria;

¿ Já vem com capinha e cartão de 4GB;

Contras:

¿ Bada não é um sistema muito popular;

¿ O som não é dos melhores;

¿ Tela pequena;

Samsung Wave 723 GT-S7230B

Preço: R$ 500

Siga o iG Tecnologia no Twitter

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.