Tablet da Acer roda Android 4.1 e tem tela de 7 polegadas

Nos primeiros dois anos após o lançamento do iPad, a Apple foi a única empresa a realmente obter sucesso com um tablet. Isso começou a mudar em 2012, com os lançamentos do Kindle Fire, da Amazon, e do Nexus 7, fabricado pela Asus em parceria com o Google. Em comum, esses dois tablets tinham o tamanho da tela, de 7 polegadas, menor do que a do iPad.

Veja mais análises de tablets

O sucesso desses aparelhos provou que havia mercado para tablets menores do que um iPad convencional e outros fabricantes passaram a apostar nesse formato (inclusive a Apple, com seu iPad Mini). O Iconia B (R$ 800) é a aposta da Acer nesse mercado e concorre com aparelhos como o Nexus 7, o Memopad e o FonePad, da Asus, o iPad Mini, da Apple, e os tablets da linha Galaxy, da Samsung, entre outros tablets. Confira a análise do Iconia B.

A favor:

- Entrada para cartão de memória
- Bom desempenho em tarefas comuns, como navegação e jogos mais simples 
- Preço competitivo para o mercado brasileiro 

Contra:

- Tela com ângulo de visão pequeno e pouca fidelidade de cor
- Alguns "engasgos" em aplicações mais pesadas
- Acabamento simples demais

Design

O Iconia B segue o design padrão de tablets com telas de 7 polegadas. A porta miniUSB fica na parte inferior, junto com a entrada para cartões de memória microSD. Botões de liga/desliga e volume ficam na parte direita, e na parte superior fica a entrada para fone de ouvido.

Diferentemente do que ocorre em outros tablets, a câmera frontal não fica centralizada, mas sim no canto esquerdo superior. É uma posição curiosa, mas que não atrapalha o funcionamento da câmera.

Para se diferenciar de outros tablets, o Iconia B traz um pequeno selo azul no canto inferior esquerdo, além de uma faixa também azul que contorna a moldura. É uma escolha estética que diferencia o aparelho de seus concorrentes, mas pode não agradar a usuários que preferem designs mais sóbrios.

O corpo do aparelho é feito de plástico, e a traseira é lisa, sem ranhuras. O acabamento simples não atrapalha o uso, mas tablets mais sofisticados usam materiais de melhor qualidade. 

Veja vídeo do Iconia B1

Configuração

Com processador de 1,2 GHz e 512 MB de RAM, o Iconia B possui uma configuração modesta, mas que dá conta do recado em tarefas básicas. Nos testes do iG , o tablet não "engasgou" com vários aplicativos abertos ao mesmo tempo. Tarefas básicas, como navegação, e-mail e jogos mais simples, foram feitas sem problemas.

No aplicativo de benchmark Quadrant Standard, o Iconia B obteve 3072 pontos, um resultado mediano. Em outro benchmark o AnTuTu, o aparelho obteve 6.663 pontos, com avaliação de 2,5 estrelas (de um máximo de cinco estrelas) no ranking do aplicativo, um desempenho próximo ao do smatphone Razr D3 (7.354 pontos), mas distante de outros aparelhos com Android mais sofisticados, como o Galaxy Note II (16.547 pontos) e Nexus 4 (17.660).

O iG testou o Iconia B com vários jogos. Games simples, como Angry Birds, Fruit Ninja e Jetpack Joyride, rodaram sem problemas. Alguns jogos mais pesados, como Heroes´ Call e Iron Man 3, demoraram cerca de 15 segundos para carregar, mas rodaram bem. Os únicos engasgos ocorreram no jogo Eternity Warriors II, que tem muitos efeitos visuais e exige muito do processador e da memória.

Um ponto positivo do Iconia B1 é a entrada para cartão de memória, que permite expandir o armazenamento do aparelho. Alguns concorrentes, como o Nexus 7 e o iPad Mini, não têm essa porta.

Tela

A tela do Iconia é o ponto fraco do aparelho. A resolução de 1.024 x 600, inferior a de outros tablets, não chega a atrapalhar. O problema é a tonalidade azulada da tela, que prejudica a qualidade da imagem. Essa tonalidade é claramente notada em qualquer aplicativo e prejudica o usuário principalmente ao ver vídeos. 

Outro problema da tela é o ângulo de visão, muito reduzido. Para que se tenha uma boa visão do conteúdo é necessário segurar o aparelho exatamente de frente para os olhos. Qualquer leve inclinação já é suficiente para impedir que o usuário veja as imagens com clareza.

Com relação ao reconhecimento de toque, não houve problemas. A tela respondeu bem durante todo o período de testes.

Sistema e aplicativos

O Iconia B1 roda a versão 4.1 do Android, sem muitas modificações em relação à versão "pura" do sistema. A tela inicial de aplicativos do aparelho (Home) vem vazia, apenas com seis aplicativos (Gmail, Mapas, Currents, Play Store, Agenda e Navegador) na parte inferior. É um ponto positivo para quem já está cansado de comprar celulares ou tablets com dezenas de aplicativos inúteis instalados por fabricantes ou operadoras de telefonia.

Iconia B1 traz pacote de aplicativos padrão do Android
André Cardozo/iG
Iconia B1 traz pacote de aplicativos padrão do Android

O pacote completo de aplicativos do Iconia vai pouco além dos aplicativos já embarcados pelo Google em aparelhos Android. Entre os aplicativos incluídos pela Acer dois chamam a atenção.

O aplicativo Camera permite usar a câmera frontal do aparelho para tirar fotos e vídeos (ok, é pouco prático usar a câmera frontal para fazer isso, mas pode ser um quebra-galho em alguma situação de emergência).

Em aparelhos com Android "puro" a câmera frontal só é usada com aplicativos de videochamadas, sendo necessária a instalação de um aplicativo extra para "destravar" as funções de fotos e gravação de vídeos em aplicativos gráficos.

Já o navegador-padrão do aparelho não é o Chrome (também incluído), mas sim um browser próprio. Ele é bastante semelhante ao Chrome e inclui a função de salvar páginas para leitura offline, inexistente no navegador do Google.

Conclusão

Com preço de R$ 800, o Iconia B compete no mercado dos tablets intermediários. Seu preço é competitivo (desconsiderando-se o mercado de tablets "xing-ling" com preços de R$ 300 ou menos) e o aparelho se sai bem em tarefas mais básicas. Mas a baixa qualidade da tela compromete o uso do tablet, principalmente no quesito exibição de vídeos. Assim, quem tem mais de R$ 1.000 deve considerar a compra de um tablet um pouco mais sofisticado.

Ficha técnica

Acer Iconia B A-171

Preço: R$ 800
Configuração: processador MediaTek 1,2 GHz dual core, tela de 7 polegadas TFT LCD com resolução de 1.024 x 600 pixels, 512 MB de RAM, 16 GB de armazenamento + entrada para cartão microSD, câmera frontal de 0,3 megapixel, Bluetooth 4.0. Wi-Fi b/g/n, 
Dimensões (cm): 19,7 x 12,8 x 1,1
Peso (g): 320

CONTINUE LENDO:

Novo tablet da Amazon não empolga

Surface Pro é tablet e notebook ao mesmo tempo

Nexus 7 deixa concorrentes comendo poeira

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.