Três alto-falantes e tela de alta definição dão mais vida a vídeos

Após os grandes tablets de 9 e 10 polegadas, chegam ao mercado os modelos menores. O maior sucesso comercial até o momento é o Kindle Fire da Amazon, que tem 7 polegadas. Mas começam a surgir modelos com outras medidas, para desespero de quem desenvolve jogos e aplicativos para o Android.

Mais análises:
Galaxy Note aponta caminho entre smartphones e tablets
Positivo Ypy, o tablet brasileiro
Motorola Razr é smartphone de grife

O Xoom 2 Media Edition vem nessa onda e traz tela de 8 polegadas para atingir o público que quer mais mobilidade, mas não quer ficar sem uma grande tela. O modelo testado pelo iG foi o MZ607 (com 32 GB e conexão Wi-Fi, mas sem 3G), que custa R$ 1.170. Confira a análise.

Xoom 2 Media Edition tem tamanho de tela intermediário
Stella Dauer
Xoom 2 Media Edition tem tamanho de tela intermediário
A favor:
• Preço aceitável para modelo com 32GB;
• Possui conexão HDMI;
• Som é muito bom;
• Tamanho e tela adequados para ver filmes.

Contra:
• Exige instalação de programa para ser reconhecidos por PCs;
• Botões de volume e energia são mal posicionados;
• Não vem com cabo HDMI e nem fones de ouvido.

Design

O design do Xoom 2 é diferente dos demais. Em vez da mesma moldura de sempre, temos as bordas ligeiramente recuadas, lembrando um pouco o smartphone Razr , da mesma empresa. Além desse diferencial, há também os detalhes na traseira. Dividindo espaço com o material emborrachado fica uma tampa metálica acinzentada que deixa os parafusos expostos, dando uma cara mais esportiva ao Xoom 2 Media Edition.

Na frente há a tela de 8,2 polegadas, a câmera frontal, microfone e o logotipo da empresa, tudo coberto por vidro Gorilla Glass. A traseira arredondada tem plástico emborrachado, metal acinzentado e itens como a câmera, flash e os botões de volume e de energia – um tanto quanto mal posicionados.

Em cima (o Xoom 2 Media Edition é um tablet para ser segurado na vertical) fica a entrada para o fone, saída para o infravermelho e dois alto-falantes. Em baixo ficam mais um alto-falante, as conexões microUSB e microHDMI e uma tampa que protege o slot para memória e o que seria a entrada para o chip SIMM, usada em modelos com 3G.

Leve, ele pesa menos de 400 gramas, menos do que o Kindle Fire. E também é fino, com menos de um centímetro de espessura. É bonito e discreto.

Tela

Como já dissemos, a tela fica no meio dos tablets de 7 e 10 polegadas, com 8,2 polegadas TFT capacitiva multitoque. Uma tela de tamanho bem confortável, com bordas grandes o suficiente para ser segurada sem atrapalhar jogos e vídeos. Ela não possui nenhuma tecnologia como AMOLED, mas tem ótima iluminação.

Tela do Xoom 2 Media Edition se sobressai ao exibir vídeos
Stella Dauer
Tela do Xoom 2 Media Edition se sobressai ao exibir vídeos

São 16 milhões de cores e uma definição de 800 x 1280 pixels, mais do que o iPad 2, em um espaço bem menor. Ela é muito boa para entretenimento e possui a tecnologia splash-guard, que aumenta a proteção contra líquidos (mas não chega a ser a prova d´água).

Hardware e processamento

Mesmo pequeno, o Xoom 2 Media Edition não decepciona no processamento. Dentro dele roda um processador dual-core de 1,2 GHz Cortex-A9, com 1GB de RAM. Nada mau. Dá para dizer que ele engasga quase que imperceptivelmente nas transições do sistema, mas não engasgou com jogos 3D e outros aplicativos pesados.

Como todo Android, ele vem completo nas conexões, exceto pelo 3G, que não está presente no modelo testado (Xoom 2 tem também versões com 3G). Além do Wi-Fi 802.11 a/b/g/n, ele possui capacidade de Wi-Fi hotspot e vem com GPS e A-GPS e Bluetooth 2.1.

Entre os sensores ele possui acelerômetro, giroscópio, bússola e o já tradicional barômetro, presente também na primeira versão do Xoom. Ele serve para mostrar a temperatura com mais precisão. Há também um sensor infravermelho para funções de entretenimento.

Câmera

Não espere muito das câmeras da Motorola e você será feliz. No Xoom 2 Media Edition temos uma câmera com sensor de 5 megapixels, um bom valor para tablets. A qualidade das imagens, porém, fica bem aquém de outros modelos com Android.

Câmera do Xoom 2 Media Edition tem sensor de 5 megapixels
Stella Dauer
Câmera do Xoom 2 Media Edition tem sensor de 5 megapixels

A câmera não é maravilhosa, mas quebrou o galho para fotos básicas. Saiu-se luminosa em locais com pouca luz, mas a acuidade e a qualidade das fotos no geral não ficam muito boas. Há uma câmera frontal de 1,3 megapixel que funciona muito bem para vídeo conferências.

Além de acompanhar flash de LED, ela também filma em HD (720p). Mais uma vez, a qualidade é razoável, e não deve ser substituída por sua câmera compacta de bolso. Há muita granulação, apesar da resposta com pouca luz também ser luminosa, e o áudio é fraco. Há poucos ajustes, o melhor é baixar um aplicativo mais completo para gerenciar a câmera.

Sistema operacional e usabilidade

Não há nenhuma novidade aqui. Com o sistema 3.2 Honeycomb esse é um Android pouco mexido, como costuma acontecer com os produtos da Motorola. Não há também a presença do Blur, interface da Motorola elogiada por uns e criticada por outros.

O Honeycomb é um sistema bem adaptado para tablets. Cores escuras, transições mais adequadas para grandes telas e ícones e menus melhor projetados para atender as necessidades de tamanho e usabilidade.

Na mão, o aparelho é leve e de fácil manuseio. A tela responde bem ao toque e tudo funciona nos conformes, exceto pelos botões físicos.

O teclado não é nota 10. Funciona bem, mas depois que você entra em contato com sistemas melhores, como o Swype, vê como os layouts básicos são limitados. Mas, pelo tamanho da tela, não é muito complicado digitar com as duas mãos segurando o aparelho na vertical, o que é bom.

Algo que vale repetir é o caso dos botões na traseira. Até você se acostumar com sua posição, é preciso tatear a traseira do aparelho toda vez que precisar ligá-lo ou mexer no volume, uma perda de tempo.

Nas configurações, nenhum problema, há apenas o necessário. Enquanto a Samsung costuma colocar dezenas e dezenas de opções para serem configuradas, a Motorola se atém ao essencial, deixando a tarefa de ajeitar o tablet mais fácil.

Porém, o Xoom 2 Media Edition não se conecta ao computador como um pen drive, assim como outros tablets. O aplicativo MotoCast precisa ser instalado antes de começar qualquer coisa, e isso pode levar alguns bons minutos, já que exige downloads e até a criação de um cadastro.

Se por um lado ele permite fazer o streaming de músicas e vídeos de um computador para o aparelho, de outro exige que você o instale cada vez que quiser conectar seu tablet em algum computador.

Aplicativos

O Xoom 2 Media Edition já vem com alguns aplicativos que podem ser úteis. Além do navegador, que suporta Flash e do emulador de Java, há o sistema Motoprint, que permite imprimir arquivos direto do tablet e o Dijit, um controle remoto universal (para isso serve o emissor infravermelho).

Há também o Fuze Meeting, GoTo Meeting e Polycom, serviços de videoconferência que permitem compartilhar vídeo, áudio e arquivos. Além do MotoCast, que funciona como um iTunes, encontramos também o Netflix e a suíte Quickoffice.

Música e mídia

Aqui chegamos ao forte desse aparelho, afinal de contas seu nome não possui o mote "Media Edition" por acaso. Esse nome é dado graças a, por exemplo, a conexão microHDMI, que permite a conexão do tablet a uma TV HD ou home theater. Essa conexão, aliás, reproduz em Full HD (1080 p).

Alto-falantes na parte superior fornecem áudio de excelente qualidade
Stella Dauer
Alto-falantes na parte superior fornecem áudio de excelente qualidade

Além disso, há a tela, da qual já falamos, que possui definição alta e muito indicada para vídeos. O som também não foi esquecido. São três alto-falantes em duas extremidades, fazendo com que haja sempre dois canais e um sub-woofer. Para melhorar, o tablet alterna a função dos alto-falantes de acordo com a posição do aparelho, sem precisar fazer nada. Isso tudo torna o som muito, muito bom.

O player de vídeos é o de sempre do Android, e apesar de reproduzir formatos como MP4, WMV, H.263, H.264 e MKV, nem sempre funciona como esperado. Para contornar essa limitação, o melhor é baixar outro aplicativo. Graças ao hardware, é possível assistir vídeos em alta definição direto na tela.

Porém, mesmo com esse som caprichado, não há fones de ouvido no pacote! Algo muito difícil de acontecer com aparelhos da Motorola. O player de música é bonitinho, mas básico. O som externo é fantástico e tem ótimo estéreo.

Bateria e armazenamento

O Xoom 2 analisado pelo iG vem com respeitáveis 32 GB – há também o modelo com 16GB – e também com slot para cartões que aguenta mais 32 GB. Muito bom. Entretanto, de todo esse espaço interno, apenas 27 GB estão disponíveis para uso pessoal.

Na bateria, ele é razoável. Com uso intenso de Wi-Fi e vídeos, por exemplo, sua carga dura quatro horas. Com o tablet em repouso, apenas recebendo e-mails, esse tempo passa de um dia.

O que vem na caixa

As caixas da Motorola costumam ser fartas, mas isso é exceção com o Xoom 2 Media Edition W-iFi. Encontramos, além do aparelho, seu carregador – que é microUSB, não precisa de entrada especial –, pequenos manuais e um cabo USB. Não há nem um cabo HDMI, provavelmente por causa do preço um pouco mais em conta desse modelo. O carregador veicular e um par de fones, que a Motorola também costuma enviar, também não foram encontrados.

Para quem é

O iPad é muito pesado? O Tab 10.1 é trambolhudo? Se você está a procura de algo menor, mas nem por isso pior, pode apostar nesse modelo da Motorola. Fino, leve e pequeno, ele traz processamento poderoso e preço um pouco abaixo dos colegas com grandes telas. pode ser sua oportunidade de entrar nessa tecnologia.

Ficha técnica
Xoom 2 Media Edition MZ607
Fabricante: Motorola
Preço : R$ 1170
Configuração: tela de 8,2 polegadas e resolução 800 x 1.280, sistema Android 3.2 Honeycomb, 32 GB de armazenamento, câmera traseira de 5 megapixels com flash LED, câmera frontal de 1,3 MP, Wi-Fi, GPS, Bluetooth 2.1, USB, HDMI.
Dimensões: 21,6 x 14 x 0,9 cm
Peso: 386g
Autonomia de bateria: Até 6h em uso de WiFi
Itens inclusos: aparelho, bateria, carregador, manuais e cabo USB

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.