Empresa vê aumento no tráfego dos serviços, mas ainda há atrasos e instabilidade

Os serviços do BlackBerry melhoraram significativamente na Europa, Oriente Médio, África e Índia, segundo afirmou a Research In Motion (RIM), fabricante do smartphone, nesta quinta-feira após falhas no e-mail e nas mensagens instantâneas que atingiram milhões de consumidores nos últimos três dias.

"O serviço também está progredindo bem nos Estados Unidos, Canadá e América Latina e nós vemos um aumento do tráfego na maioria dos serviços, embora ainda haja alguns atrasos e os níveis de serviços variem entre os consumidores", afirmou a empresa em um comunicado na sua página na Internet.

O Co-CEO Mike Lazaridis pede desculpas em um vídeo oficial, em inglês, publicado nesta quinta-feira.

Porém, a RIM também afirmou que não pode estimar um prazo para o retorno total dos serviços em todo o mundo.

Na quarta-feira a empresa informou que todos os e-mails e mensagens instantâneas enviadas seriam, eventualmente, entregues aos usuários em todas as regiões afetadas pela falha, mas depois disse a alguns de seus clientes corporativos que não poderá eliminar o enorme acúmulo de mensagens até a manhã de quinta-feira na costa leste dos EUA.

A interrupção, a pior em cerca de dois anos, agrava alguns problemas da RIM, que incluem a insatisfação crescente com o seu time de executivos e a incapacidade da empresa para recuperar o atraso com rivais como a Apple

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.