Empresa pretende lançar sistema para televisores até o fim deste ano

Por Guilherme Abati

Ao contrário do que muitos esperavam, o anúncio da Canonical na CES 2012 não foi um smartphone ou tablet, mas sim a Ubuntu TV. A televisão de 40 polegadas rodando a versão do Ubuntu mostra a vontade da empresa em expandir versões da distribuição Linux para outras plataformas e bater de frente com a Apple e o Google, empresas que também desejam oferecer soluções parecidas.

Segundo o The Register , a Ubuntu TV terá interface baseada no Unity, mas com adaptações. Assim, a ideia é que o usuário possa navegar e interagir com conteúdos em vídeo armazenados na nuvem, como filmes e programas de TV.

O serviço também oferece player de música e aplicativo para acessar o YouTube. O sistema permite a exibição de guias de programação de emissoras, bem como a aquisição ou locação de programas e filmes, desde que as próprias emissoras ofereçam o serviço. Outro recurso de destaque da Ubuntu TV está no Ubuntu One. Com ele, é possível compartilhar arquivos entre aparelhos iOS, Android e, claro, Ubuntu.

A ideia da Canonical é proporcionar ao usuário ter um sistema que permita fácil integração de conteúdos e várias plataformas. Por isso, o Ubuntu TV é um sistema com suporte a outros sistemas operacionais a fim de tornar o uso da plataforma mais fácil e agradável ao usuário, de acordo com o The Next Web

A partir de agora, a Canonical pretende continuar a procura de fabricantes de TVs para fechar parcerias e fazer o projeto chegar ao consumidor final. O objetivo da empresa é lançar TVs com a Ubuntu TV no mercado mundial ainda em 2012. Para acelerar o processo, a Canonical oferece o software Ubuntu TV de graça. O que a Canonical ganhará com isso ainda é um mistério.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.