Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

CES 2012: Ultrabooks fazem sucesso, mas ainda estão em evolução

Modelos mais robustos dependem do sistema Windows 8 e dos futuros chips Ivy Bridge, da Intel

Claudia Tozetto, enviada a Las Vegas |

Eles são leves, rápidos, mas impressionam, principalmente, pela espessura fina e acabamento. Os ultrabooks estão por todos os lados na Consumer Electronics Show (CES 2012). A nova categoria de categoria de notebooks, proposta pela Intel, ganhou apoio dos principais fabricantes, como HP, Lenovo, LG e Samsung. No estante da Intel, o primeiro do principal pavilhão da feira, 17 ultrabooks de sete marcas chamam a atenção dos visitantes.

MAIS SOBRE A CES 2012:
Apple deve ter mais de 250 "espiões" na feira
Com atraso, Intel chega a smartphones e tablets

Apesar da popularidade dos ultrabooks durante a CES, os produtos que chegam ao mercado nos próximos meses estão longe da visão completa do conceito de ultrabook da Intel. Embora a qualidade do produto salte aos olhos e muitos visitantes tenham a vontade de comprar um em breve, os ultrabooks que chegam agora não têm dois componentes importantes: a nova geração de processadores Intel, chamada de Ivy Bridge, e o novo Windows 8. Ambos devem chegar ao mercado no decorrer de 2012.

 Por isso, os lançamentos de ultrabooks na CES 2012 mostram uma categoria ainda em evolução. Até a chegada oficial dos chips Ivy Bridge, que deve acontecer em maio, os fabricantes estarão ocupados ajustando as novas máquinas aos novos recursos do processador. Isso significa que, na metade de 2012, as lojas receberão uma nova enxurrada de ultrabooks, com desempenho melhor e gráficos mais avançados.

Windows 8 só no segundo semestre

Já o Windows 8 tem versões de testes no mercado e se mostrou estável em demonstrações durante o evento da Microsoft para jornalistas e no estande da Intel. Mas ainda há um longo caminho a percorrer até que o sistema chegue às lojas, o que só deve ocorrer no segundo semestre deste ano. Com o novo sistema, ultrabooks devem ganhar recursos mais avançados, como telas sensíveis ao toque e  reconhecimento de voz e gestos.

Quais produtos/tecnologias mais chamam atenção na CES 2012? Comente no fórum.

O preço das máquinas também é um dos fatores importantes a considerar. Alguns computadores anunciados ainda ultrapassam o preço sugerido pela Intel, na proposta da nova categoria: US$ 1 mil (cerca de R$ 1,8 mil). O valor cobrado pelas máquinas lançadas durante a CES 2012 deve cair, à medida que os fabricantes explorem as possibilidades do padrão proposto pela Intel, como substituir discos de estado sólido (SSD) por outros tipos de armazenamento.

Leia tudo sobre: ces 2012ultrabooksintelwindows 8microsoft

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG