Biz Stone afirma que relançará empresa junto com Evan Williams e Jason Goldman para cuidar de novos projetos de sistemas

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=tecnologia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1597101960816&_c_=MiGComponente_C

O Twitter acaba de perder um de seus fundadores. Biz Stone, cofundador do microblog junto com Jack Dorsey e Evan Williams, anunciou por meio de seu blog que deixa a empresa para cuidar de "novos projetos".

Getty Images
Biz Stone, cofundador do Twitter, deixa a empresa para reativar empresa

Na mensagem, Stone explica que o Twitter fazia parte da empresa Obvious que Evan Williams criou para comprar, com seu próprio dinheiro, um projeto que os dois criaram juntos, mas não deu certo. "Fomos ridicularizados por seu um projeto inútil, mas nós acreditamos nele e Evan acreditou em nós para nos manter até que o Twitter começasse a se espalhar", diz ele no blog.

"Continuarei trabalhando com o Twitter por muitos anos", diz Stone no blog. Com o crescimento da empresa e desenvolvimento da equipe, Stone afirma que acredita que seu trabalho será mais útil "se sair do caminho e esperar ser chamado para um trabalho específico". A partir de agora, o executivo usará seu tempo para ajudar escolas, organizações não-governamentais (ONGs) e o conselho da empresa, além da Fundação Biz e Livia Stone.

Ele anunciou, também, que em conjunto com Evan Williams e Jason Goldman, relançará a empresa Obvious como co-fundadores. O plano da empresa será trabalhar em novos projetos que estejam alinhados com a missão da empresa: "desenvolver sistemas que ajudem as pessoas a trabalhar juntas para melhorar o mundo". 

Siga o iG Tecnologia no Twitter Siga o iG Tecnologia no Twitter

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.